MP-SP investiga discriminação a portadores de deficiência na Arena Palestra

Por conta de denúncia de usuários, a Arena Palestra é objeto de investigação na Promotoria de Justiça dos Direitos Humanos do MP-SP.

O processo indica como interessados: Palmeiras e WTorre.

A reclamação é de que o estádio discrimina portadores de deficiências diversas, omitindo-se ao realizar adequações, previstas em lei, para facilitar a locomoção destes em dias de jogos e shows.

O clube terá, desde hoje (dia em que foi notificado), dez dias para ter acesso ao processo e propor soluções que evitem a interdição da Arena.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.