Ex-Financeiro do Corinthians auditou contas da BRL TRUST, gestora do estádio de Itaquera

Felipe Ezabella, Raul Corrêa da Silva, Sergio Alvarenga e Fernando Alba

A empresa BDO/RCS, de propriedade do ex-diretor de finanças do Corinthians, Raul Corrêa da Silva, assinou, no último dia 18, auditoria da BRL TRUST, gestora do estádio de Itaquera.

O documento foi publicado ontem, na página 18 do Diário Oficial.

A BRL TRUST é braço da construtora Odebrecht, responsável pela obra da Arena, da qual Corrêa assinou a maior parte dos documentos, inclusive os que autorizaram acréscimo no valor final da construção.

Sabe-se hoje que existe, ao menos, R$ 250 milhões destoantes do que foi acordado em contrato e o efetivamente entregue ao Corinthians.

Sem contar os valores desviados em pagamentos de propinas, que estão sendo investigados pela Polícia Federal, com três nomes ligados ao clube delatados: Andres Sanches, André Negão e Vicente Cândido, com grande possibilidade doutros mais surgirem ao término dos trabalhos.

Não é a primeira vez, desde a conclusão do estádio, que a empresa de Raul Corrêa presta serviços a co-ligadas da Odebrecht, conforme revelou, em 01 de março, o Blog do Paulinho:

R$ 5 milhões: ex-diretor de finanças do Corinthians teria recebido “agrados” da ODEBRECHT

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.