Jogadores do Palmeiras concordaram com afastamento de Felipe Melo, que tentou agredir Dudu

O afastamento do jogador Felipe Melo, do Palmeiras, foi bem mais traumático do que deixou transparecer o treinador Cuca, que minimizou o episódio em entrevista coletiva.

Durante a partida que eliminou o clube da Copa do Brasil, o então volante palestrino praguejava, no banco, contra o treinador, sendo advertido pelo próprio, ainda dentro de campo.

A discussão acalorou-se nos vestiários, ocasião em que Melo surtou.

Pôs o dedo em riste para Cuca, tentou, segundo testemunhas, agredir Dudu, a quem ofendeu duramente, desentendeu-se, também, com Egídio, parando apenas após a intervenção de seguranças e dirigentes.

Insustentável, sua situação foi discutida pela cúpula palestrina, no dia seguinte, com o desfecho conhecido.

Nenhum jogador saiu em sua defesa.

Alguns, caso de Dudu, pediram o afastamento explicitamente, outros, apenas concordaram.

Para o Palmeiras ficará uma conta milionária, a ser paga até 2020, de um negócio ruim, em torno de um atleta apenas mediano, com final absolutamente previsível.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

2 ideias sobre “Jogadores do Palmeiras concordaram com afastamento de Felipe Melo, que tentou agredir Dudu

  1. Pingback: Felipe Melo ameça agredir Cuca e diz ter diversos interessados em seu “futebol” | Blog do Paulinho

  2. Analisando o post, vejam o que disse Dudu sobre a saída de Felipe Melo, notem a frase “acima da gente”…. Dudu: ““A gente ficou triste por ser um jogador que nos ajudava, mas é um posicionamento da diretoria, está acima da gente. O Felipe é um cara bacana, não podemos falar nada. Temos que acatar e respeitar”

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.