Palmeiras e Vasco da Gama surpreendem em seus respectivos clássicos

Dedicado e com Luiz Araujo e Lucas Pratto inspirados, o São Paulo, sem brilhantismo, venceu o badalado Palmeiras por dois a zero no Morumbi.

Tirante uma penalidade boba cometida por Jucilei, que o palesrino Jean bateu para fora, o time de Ceni não sofreu.

Sofrimento está passando a torcida do Verdão, enganada por contratações desequilibradas, de uma gente que só pensa em negócios, que em 2016 foram salvos da exposição do trabalho ruim pelo treinador Cuca, mas este ano, ao recorrerem ao mesmo expediente, não estão alcançando o objetivo previsto.

Muito dinheiro, pouco futebol.

No Rio de Janeiro, o Vasco da Gama que iniciou o brasileiro, dissemos, candidato ao rebaixamento, jogou com a vontade dos que não caem, vencendo um Fluminense- que tem equipe superior – por três a dois.

Uma virada emocionante, típica da gloriosa história cruzmaltina.

Se mantiver a dedicação no restante do campeonato, diferencial quando equipes medianas se enfrentam, o desastre será evitado.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

2 ideias sobre “Palmeiras e Vasco da Gama surpreendem em seus respectivos clássicos

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.