Anúncios

Bolsonaro era agressivo e tinha ‘excessiva ambição’, diz ficha militar

Da FOLHA

Por RUBENS VALENTE

Documento sigiloso produzido pelo Exército na década de 1980 mostra que oficiais superiores do hoje presidenciável Jair Bolsonaro (PSC) o avaliaram como dono de uma “excessiva ambição em realizar-se financeira e economicamente”.

A avaliação foi protocolada sob sigilo, em 1987, no gabinete do então ministro do Exército, Leonidas Pires Gonçalves, durante um processo a que Bolsonaro foi submetido no Conselho de Justificação (espécie de inquérito).

Conforme a Folha divulgou nesta segunda-feira (15), no processo Bolsonaro reconheceu ato de indisciplina e deslealdade por ter divulgado um texto, sem autorização de seus superiores, com pedido de aumento salarial. Ele foi condenado pelos três coronéis que compunham o conselho mas, após um recurso, conseguiu a absolvição no STM (Superior Tribunal Militar).

Segundo a “ficha de informações” produzida em 1983 pela Diretoria de Cadastro e Avaliação do ministério, Bolsonaro, na época tenente com 28 anos de idade, “deu mostras de imaturidade ao ser atraído por empreendimento de ‘garimpo de ouro’. “Necessita ser colocado em funções que exijam esforço e dedicação, a fim de reorientar sua carreira. Deu demonstrações de excessiva ambição em realizar-se financeira e economicamente”.

Em interrogatório a que foi submetido no conselho, Bolsonaro reconheceu ter feito garimpo “na cidade de Saúde, próximo de Jacobina [BA]”, durante as férias, na companhia de três tenentes e dois sargentos paraquedistas, dois dos quais “estavam sob seu comando”. Bolsonaro disse que não teve lucro e classificou a atividade como “hobby ou higiene mental”.

Ouvido pelo conselho, o superior de Bolsonaro, coronel Carlos Alfredo Pellegrino, disse que tentou demovê-lo da ideia do garimpo, mas conheceu “pela primeira vez sua grande aspiração em poder desfrutar das comodidades que uma fortuna pudesse proporcionar”.

Ao regressar, Bolsonaro procurou o oficial. Por um lado ele se “retratou”, mas por outro teria “confirmado sua ambição de buscar por outros meios a oportunidade de realizar sua aspiração de ser um homem rico”.
Em sua decisão final, o Conselho de Justificação concordou com a avaliação da ficha de informações. “A imaturidade é de um profissional que deveria estar dedicado ao seu aprimoramento militar, através do adestramento, leitura e estudos, e não aventurar-se em conseguir riquezas.”

Segundo o coronel Pellegrino, Bolsonaro “tinha permanentemente a intenção de liderar os oficiais subalternos, no que foi sempre repelido, tanto em razão do tratamento agressivo dispensado a seus camaradas, como pela falta de lógica, racionalidade e equilíbrio na apresentação de seus argumentos”.

OUTRO LADO

Em entrevista por telefone, Bolsonaro disse: “Vá catar coquinho, Folha de S.Paulo. Vocês estão recebendo de quem para fazer matéria? Vocês estão recebendo de quem para me perseguir?”.

Prosseguiu: “Publica essa porra de novo agora sem falar comigo. Eu só falo com vocês gravando”, disse o parlamentar. “Continue escrevendo essas porcarias aí na Folha.”

Anúncios

9 Respostas to “Bolsonaro era agressivo e tinha ‘excessiva ambição’, diz ficha militar”

  1. marcospaulo2015 Says:

    Ou seja, igualzinho aos demais políticos brasileiros. Mas as bolsonetes apenas enxergam o fato de que Bolsotario não está envolvido na vaza-jato. Não vamos exigir muito delas. Afinal, a ausência de massa encefálica é visível.

  2. Luiz Carlos Luchetta Says:

    Cortou o final em que o Bolsonaro diz: “a pauta é uma merda”.

    E, menino da CIA, por pior que sejam “os demais políticos”, nada se compara no mundo à corja socialista do pt et caterva.

  3. Dinossaurio (@DinossAurio) Says:

    #mito2018… Bolsonaro presidente

  4. sandroso2015 Says:

    Concordo com o Bolsonaro, tem que ser duro mesmo, esse país está a deus dará…muito mimimi…muita corrupção e Leis fracas feitas para bandidos se darem bem. Quem não deve nada a ninguém não tenha medo, agora quem deve a justiça pode começar a rezar.

  5. marcospaulo2015 Says:

    Que hilário. As bolsonetes não possuem senso crítico e não sabem interpretar um simples texto. Talvez desenhando elas entendam melhor.

  6. Luiz Carlos Luchetta Says:

    Bolsonaro aos poucos está aprendendo a lidar com os militantes socialistas da imprensa (cerca de 98% dos “jornalistas”).
    Só falta soltar um “very fake news”.

  7. Luiz Carlos Luchetta Says:

    Menino da CIA, continue com esse “raciocínio” que você vai conseguir convencer um monte de gente que foi a CIA que derrubou a dilmanta por causa do pré sal.
    Mininu sabiiidu

  8. Luiz Carlos Luchetta Says:

    Paulinho, taí o vídeo da conversa do Bolsonaro com o jornaleiro da falha do foro de São Paulo.
    Tem também vídeos do craque, do outro lá da tal democracia e do Villa, que vai arregar no desafio que fez.
    Essa turma e todo o resto da mídia vai acabar elegendo o Bolsonaro. Nem vai ser preciso fazer campanha.

    https://doaaquemdoer.org/2017/05/15/jair-x-neto-casagrande-villa-folha/

  9. Divanio (@DCLS45) Says:

    Marcos Paulete chegada da lulete da equipe da dilmete, com saudades da marisete. Vai assistir ao Monólogos de Uma Vagina, quem sabe o teu esfincter vibre.
    Vou votar no Bolsonaro e daí, porra? Vai rodar a pochete, Paulete?

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: