Impeachment: comissão de Ética do Corinthians barra depoimento essencial de Mario Gobbi

Dr. Sergio Alvarenga

Dr. Sergio Alvarenga

Não é de hoje que a Comissão de Ética do Corinthians, formada por conselheiros eleitos nas chapas dos últimos presidentes, é acusada de trabalhar para abafar desvios de conduta gravíssimos, evidenciados e comprovados no Parque São Jorge.

O caso mais recente foi o das categorias de base, absolutamente documentado, em que todos os acusados foram absolvidos.

Iniciou-se, durante a semana, as oitivas de testemunhas no processo que pode resultar no afastamento de Roberto “da Nova” Andrade, por ter assinado documento do clube dias antes das eleições, como se fora Presidente, quando era apenas candidato.

A Comissão, porém, deixando claro, mais uma vez, que pretende defender os gestores, permitiu depoimentos de quem estaria, por profissão, impedido de fazê-lo (advogados) e vetou uma testemunha primordial de acusação, o ex-presidente Mario Gobbi, que estava no cargo no período do delito.

Vale lembrar que os trabalhos estão sendo presididos pelos Drs. Sergio Alvarenga e Carlos Elias, que o leitor do Blog do Paulinho conhece bem, com histórico de subserviência aos atuais gestores alvinegros.

impeachment-1 impeachment-2

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.