Gustavo Tocantins foi um dos jogadores desviados por André Negão, no Corinthians

andre negão gaviões

Durante a semana, publicarmos reveladora entrevista do vice-presidente do Corinthians, André Negão, de extensa ficha policial, realizada em canal de torcedores na internet.

Vice do Corinthians delata verdades sobre estádio, lava-jato, corrupção na base e “chapão”

Em meio a revelações de que o clube pretende dar calote no estádio, de ser favorável ao sistema de “Chapão” nas eleições, da impossibilidade de negar recebimento de propina da Odebrecht (R$ 500 mil) e de acusar o vice de futebol, Eduardo “Gaguinho” Ferreira, no episódio de corrupção da base, o dirigente deixou escapar duas de suas negociações de atletas no Parque São Jorge.

Entre elas, a indicação de um atacante para o ex-zagueiro do Corinthians, Anderson, à época treinador do amador da Portuguesa.

O blog já sabe de quem se trata: Gustavo Tocantins, de 20 anos, que chegou a figurar na Seleção Brasileira da categoria.

No “rolo” está envolvido, também, o empresário Wagner Ribeiro.

Hoje Anderson é o treinador principal da Lusa.

Não é a primeira negociata de André Negão no Corinthians, sendo que a mais famosa custou milhões aos cofres alvinegros, com a bravata de que estava se contratando um novo “Messi”.

Hoje, nem mesmo na Argentina, sabe-se muita coisa sobre Defederico, que recebia salário de “pop star”, dividido com agentes de futebol e com os dirigentes alvinegros envolvidos na transação.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.