Amaral já era ídolo do torcedor palmeirense antes mesmo de ser contratado

amaral

“Estamos na Série A e o Corinthians se f…”

Deve chegar hoje a São Paulo, contratado pelo Palmeiras, o volante Amaral, de 28 anos, titular do Goiás por oito anos, de onde saiu aclamado como capitão da equipe.

Mas, antes mesmo de qualquer iniciativa de negociação, o atleta já era ídolo da torcida palestrina.

No ano do rebaixamento do Corinthians, em 2007, espontâneo, o jogador, ao ser entrevistado após a partida que salvou o Goiás do rebaixamento, mas afundou o Timão, respondeu:

“Estamos na Série A e o Corinthians se f…”

Tornou-se, por razões óbvias, adorado pelos adversários alvinegros.

Porém, bom jogador, de hábitos familiares (de casa para o treino, e vice-versa) – fugindo do padrão dos atletas nacionais – Amaral tem qualidades, como a forte marcação e a dedicação, até em amistosos, que podem encantar mais os palmeirenses do que a simples declaração hostil ao principal adversário.

Em comparação, seu futebol assemelha-se muito ao de Ezequiel, até hoje lembrado com carinho, e tratado como ídolo, da torcida do Corinthians.

Pelo Goiás, Amaral disputou 373 jogos, com 183 vitorias, 79 empates e 111 derrotas, marcou 44 gols, foi quaro vezes campeão goiano, alem de ter conquistado, também, o Brasileirão da Série B.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.