Advertisements
Blog do Paulinho

Empresário de Anselmo cobra R$ 660 mil do Palmeiras na Justiça. Negociação é nebulosa

anselmo

Em janeiro de 2012, o Palmeiras emprestou o obscuro jogador Anselmo, oriundo de sua equipe “B”, para o São Caetano.

Seis meses depois, negociou-o para o Gênoa.

Até hoje não se sabe por quais valores, nunca divulgados pelo clube.

Porém ação judicial de cobrança, aberta pelo empresário do atleta, Roberto Sodré, começa a esclarecer a questão.

Na Federação Italiana, o Gênoa alega ter pagado R$ 2 milhões no negócio.

10% ficou com o São Caetano, sabe-se lá por quais razões.

Sobrou R$ 1,8 milhões.

20% teriam sido destinados ao jogador.

Restam agora R$ 1,4 milhões.

Há ainda a parte do empresário, cobrada na Justiça, que seria de R$ 660 mil.

Em sendo quitados, sobrariam para o clube R$ 740 mil de R$ 2 milhões.

Além de ser evidentemente um negócio ruim, resta ainda a nebulosidade de saber qual valor, de fato, ingressou nos caixas palestrinos.

Qualquer diferença, por razões óbvias, seria bem suspeita.

Vale lembrar que a negociação foi uma das tantas realizadas pela gestão Tirone/Frizzo, que infelicitou o clube antes da ascensão de Paulo Nobre ao poder.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: