Alemanha vence USA, que também se classifica. Cristiano Ronaldo se despede do Mundial

image

A Alemanha fez boa partida na vitória contra os USA, por um a zero, debaixo de tempestade no Recife.

Gol do artilheiro Muller.

Poderia ter feito ainda mais, contrariando as insinuações de possível jogo de compadre entre as equipes.

Portugal venceu Gana, na outra partida do grupo, mas apenas por dois a um, insuficientes para garantir a classificação, devido a diferença de saldo de gols, favorável aos americanos.

Cristiano Ronaldo jogou bem, fez gol, mas a Copa do Mundo seguirá sem seu magnífico futebol.

Os alemães começou dominando amplamente a partida, jogando no campo de ataque, enquanto os americanos só faziam se defender.

Muller quase marcou de carrinho, aos 7 minutos, após cruzamento pela esquerda.

Schweinsteiger desfilava sua classe e ditava o ritmo do jogo.

Em contragolpe, na primeira chegada americana, Aos 22 minutos, Zusi bateu em curva da direita para a esquerda, e a bola passou raspando o ângulo esquerdo.

Passados 25 minutos, os USA adiantaram um pouco a equipe para tentar sair da pressão alemã.

Kroos bateu da entrada da área, aos 30 minutos, mas o goleiro americano defendeu bem.

Quatro minutos depois , Howard fez grande defesa em chute de Ozil, dentro da área.

Para desespero de Ronaldo “Fenômeno” a Alemanha voltou para a segunda etapa com Klose no lugar de Podolsky.

Aos 6 minutos, Klose se esforçou para concluir cruzamento na área, mas apenas resvalou, com a bola saindo à esquerda da meta.

Howard fez grande defesa em cabeçada alemã, aos 9 minutos, mas, no rebate, Muller bateu de curva e fez um golaço.

Um a zero, com justiça.

Mesmo correndo risco de eliminação, dependendo do resultado de Gana e Portugal, os USA permanecem no mesmo ritmo, mais marcando do que atacando.

Buscando ainda mais o ataque, os alemães colocam Goetze na vaga de Schweinsteiger, aos 30 minutos.

Deu tempo ainda para Dempsey quase empatar o jogo, aos 48 minutos, em cabeçada dentro da pequena área.

O resultado ratificou a classificação, tanto de Alemanha quanto dos USA, com os europeus voltando a apresentar futebol que credencia a equipe como uma das favoritas a vencer o torneio.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.