Advertisements

Esta semana aconteceria a Soccerex, compartilho algumas impressões

soccerex_logo_270x167

Por JOSÉ RENATO SATIRO SANTIAGO

30 de novembro, próximo sábado estava agendado o início da Soccerex Global Convention.

Criada em 1995 e considerada a maior feira de negócios do futebol, a Soccerex seria realizada no Rio de Janeiro.

Havia um contrato com a Secretaria de Esportes do Rio de Janeiro que contemplava investimentos que suportavam a realização de 4 edições no Brasil.

O evento deste ano, no entanto, foi cancelado.

Antes de analisarmos o que pode ter provocado esta decisão, cabe considerar algumas questões.

Feiras, Congressos, Seminários, Convenções e eventos similares são importantes oportunidades para compartilhamento.

Sabedores que o encontro “físico” entre as pessoas é a melhor forma de estreitar relações estes eventos costumam ser de grande valia.

Só isso?

Não, certamente que não.

Estes eventos também têm se tornado em importantes formas de obtenção de receitas.

No entanto, as eventuais possibilidades de “networking” passam longe se comparadas com a indústria que é movimentada por estes eventos.

Todo e qualquer congresso organizado no mundo tem como principal objetivo, gerar receita.

Não aquela futura.

Mas sim a própria demandada para a realização dele próprio.

Passou de meio, para ser fim.

Alguns podem dizer: “mas o mundo é assim, não é?”

Sim, é verdade.

Mas o que não impede que possamos ao mesmo tentar, ter um entendimento mais amplo sobre isso.

Será que alguém duvida que, por exemplo, a Jornada Mundial da Juventude, evento ligado a Igreja Católica neste ano não foi um dos projetos mais lucrativos para seus organizadores?

Lembremos que este evento em especial foi marcado pela desorganização e até mesmo pelo cancelamento de várias atividades programadas, dentre elas as previstas para o Campus Fidei em Guaratiba, na véspera de sua realização.

De uma coisa podemos ter certeza, alguns fornecedores perderam dinheiro.

Mas, há muitos que lucraram com isso, sobretudo com o cancelamento.

Alguns fornecedores desenvolveram suas atividades e receberam.

Outros não receberam.

Houve também fornecedores que não desenvolveram suas atividades e receberam.

Os organizadores, no entanto, NÃO perderam dinheiro com o cancelamento do evento.

Voltando a Soccerex.

Esta seria a ultima das 4 edições previstas para o Brasil.

As vésperas de sua realização, sob a alegação da preocupação com os protestos na cidade, o Governo do Estado “cortou” os investimentos, o que inviabilizou sua realização.

A expectativa, segundo informações divulgadas pela imprensa, era de trazer cerca de 4.500 de empresários ligados ao futebol.

Os executivos da Soccerex declararam ter tido prejuízo com o cancelamento.

Sobretudo por investimentos feitos de forma antecipada.

Pois bem…

A verdade, no entanto, quando não vem a tona de forma transparente, nos permite tirar algumas conclusões.

– Um evento de tal porte começa a ser organizado com grande antecipação;

– Certamente os patrocinadores já tinham sinalizado que os investimentos seriam reduzidos, isto é “ninguém foi surpreendido”, embora possam falar que foram.

– Os organizadores do evento não sofreram prejuízo.

– Os organizadores, no máximo, deixaram de receber o montante de investimentos que estimaram.

– Quanto ao cancelamento em si, não tenho ciência sobre o teor do contrato entre as partes, mas acredito que deveria haver alguma clausula que contemplasse o cancelamento.

– Repito, é muito improvável, que não houvesse uma clausula que contemplasse o cancelamento.

– Os participantes, convidados, conferencistas, palestrantes, fornecedores, prestadores de serviço seriam os mesmos de sempre, pequenas e quase irrelevantes variações, com um processo muito particular de contratação de cada um deles.

– Há, certamente, coisas que jamais virão a tona, sobretudo aquelas que foram as decisivas para o cancelamento do evento, e estas, cá entre nós, é melhor que fiquem entre as partes envolvidas.

Pois é, mais uma realidade comum neste mundo globalizado.

Advertisements

Facebook Comments

5 Responses to “Esta semana aconteceria a Soccerex, compartilho algumas impressões”

  1. Marcos Says:

    Na verdade o Brasil tem cada vez menos moral de hospedar eventos internacionais de porte. Depois da Copa e da Olimpíada, o resto do mundo não virá nem pra campeonato de cuspe à distância.

  2. Verne Gomes Says:

    Só um burro pode desconhecer que cancelar um evento deste porte não gera prejuízo, com as encomendas antecipadas de fornecedores, estandes, licenças, pessoal, marketing, montagens, materiais, viagens, etc. Na verdade,os organizadores só deveriam dar trambique em escritores de posts sem sentido.

  3. cyro britto Says:

    paulinho,
    porque vc nao faz uma reportagem profunda sobre a Soccerex

  4. Paulo Costa Says:

    Minha grande dúvida é: porque nada se faz neste País sem que o governo banque? Os lucros são todos privados, e as despesas, públicas.

  5. joel Says:

    Abaixo o populismo que é a multiplicação dos pobres e a permanência da dependência. Que volte a República

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: