Advertisements
Anúncios

Corinthians: dirigentes de futebol se acovardam e lideranças são questionadas

gobbi roberto duilio

Enquanto o Corinthians estava na fase de conquistas de títulos, dirigentes, conselheiros e papagaios de pirata em geral, acotovelavam-se para sair nas fotos, ocupar espaço em carros de bombeiro e garantir lugar nas mais diversas exposições públicas de troféus, etc.

Bastou seis meses de má-fase, fruto de um trabalho inadequado de planejamento e administração, para os que antes posavam de “heróis” reservarem seus lugares no “bote salva-vidas”.

Ninguém quer arriscar o pescoço, principalmente em período eleitoral, no Corinthians que será “reformulado” por Mano Menezes.

Roberto “da Nova” Andrade, provável candidato à Presidência pelo grupo da atual gestão, sairá em janeiro, tentando, segundo suas próprias palavras a aliados, “não ser afetado politicamente por resultados negativos.”

Impossível desvincular, porém, os equívocos atuais, como as contratações de Alexandre Pato e o boicote a Tite, com o consequente aliciamento de Mano Menezes, de sua ação ou omissão no departamento.

Duílio “do Bingo”, que perderá espaço nas negociatas de atletas para o empresário Carlos Leite – que é quem de fato mandará no futebol – há cerca de três semanas vem plantando notinhas na imprensa sobre problemas de saúde que alega serem incompatíveis com sua função.

Sintomas que não apareciam no período das “vacas gordas”.

Certo é que a iniciativa de ambos – abandonar o futebol depois de contribuírem para o fracasso – pegou mal até entre os que se diziam aliados, e pode, na sequencia, mudar um quadro de liderança que parecia já estar definido.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: