Advertisements
Anúncios

Procurador do STJD dá lição de moral em Mario Gobbi

“Não foi um torcedor da minha equipe que matou um inocente na Bolívia, e vem  praticando reiterada violência nos estádios.

Falta hombridade para assumir isso  ao invés de tratar como mártires baderneiros e criminosos”

A declaração acima, do procurador do STJD, Paulo Schimitt, respondeu a críticas feitas pelo presidente do Corinthians, Mario Gobbi, pelas punições ao clube oriundas de atos marginais de sua torcida “organizada”.

Muito bem colocada.

Gobbi, em vez de cortar dinheiro e benefícios que o clube repassa a bandidagem, além da relação promiscua evidente, que chega ao cumulo de ter em cargos de direção do Corinthians gente ligada a esses grupos, prefere distorcer a verdade, defendendo os deliquentes.

Tivesse a coragem e hombridade necessárias a quem ocupa um cargo como o de Delegado de Polícia, e o presidente alvinegro teria nojo em dividir a mesa com essa gente, obrigando-os, ainda, a ressarcir o clube pelos prejuízos ocasionados.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: