Advertisements
Anúncios

Alex ajuda a afundar o São Paulo

Sem precisar se esforçar muito, o Coritiba, sempre melhor no jogo, venceu o fraquíssimo São Paulo por dois a zero, no Couto Pereira.

Dois gols do genial Alex, que desfilou categoria no gramado.

O Coritiba foi senhor absoluto da primeira etapa, perante um Tricolor absolutamente inofensivo, medíocre, até.

Logo aos 6 minutos, Rogério Ceni salvou gol certo de Alex, após boa tabela com Vitor Junior.

O ex-corinthiano quase marcou, aos 22 minutos, batendo de primeira bola que passou perto do travessão tricolor.

Novamente Vitor Junior, aos 30 minutos, acertou bom chute da entrada da área, como se fosse uma cobrança de falta, que passou raspando ângulo esquerdo de Ceni.

Dois minutos depois, enfim o Coxa abriu o marcador, com Alex pegando rebote de Rogerio Ceni após chute cruzado de Vitor Junior.

Mesmo após tomar o primeiro gol, o São Paulo manteve-se passivo, sem reação, como uma presa esperando pelo abate.

E não tardou para Alex, em magnifica cobrança de falta da entrada da área, sofrida pelo próprio, ampliar o marcador.

Na volta do intervalo, Autuori voltou com Maicon no lugar de Paulo Miranda e Osvaldo no de Fabrício, partindo escancaradamente para o tudo ou nada.

Para animar um pouco o torcedor Tricolor, Maicon, aos dois minutos, acertou grande batida no travessão.

Porém, o Coritiba, na cadencia de Alex, seguia dominado o jogo, facilitado pela incapacidade do São Paulo em acertar dois passes seguidos.

Em jogada esquisita, aos 14 minutos, Aloisio girou o corpo dentro da área e tentou cruzar, a bola desviou na mão de Vanderlei e passou em frente à linha, sem que um atacante sequer estivesse posicionado para fazer o gol.

Aos 16 minutos, Anderson Aquino entrou na vaga de Geraldo, que havia entrado no lugar do péssimo Keirrison, no intervalo, e saiu machucado.

Três minutos depois, Luis Fabiano, que sequer pegou na bola, foi substituído por Negueba.

Por incrível que pareça, nove minutos depois, Anderson Aquino, que tinha acabado de entrar no lugar de outro machucado, também sentiu lesou e saiu, para a entrada de Lincoln.

Aos 27 minutos, Aloisio, o único que jogava bem no São Paulo, escapou pela esquerda mas bateu fraco, facilitando a defesa de Vanderlei.

Sem muitas preocupações ofensivas, o Coritiba fazia o suficiente para deixar o tempo passar e vencer a partida, enquanto o Tricolor tropeçava no desespero.

Para piorar ainda mais a situação do Tricolor, Osvaldo foi expulso ao entrar com o pé alto na perna de Vinicius.

Aos 35 minutos, Robinho quase fez um golaço, ao pegar de primeira bola levantada por Lincoln.

Deu tempo ainda para Rogerio Ceni fazer milagre, aos 44 minutos, em batida a queima roupa do ataque adversário.

No final, além da derrota, a apatia do São Paulo deixa o torcedor Tricolor absolutamente preocupado com o possível desfecho do campeonato, embora faltem ainda 19 rodadas, enquanto o Coritiba demonstrou ter time para lutar, ao menos, pela vaga na Libertadores da América.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: