Advertisements
Anúncios

Sobre o texto de Amir Somoggi, no Lance

Muito se comentou, ontem, nas mídias sociais, sobre a infelicidade de uma frase no texto de Amir Somoggi, publicada pelo site do Lance, que criticava a política do São Paulo de reduzir o preço dos ingressos para atrair torcedores:

“Quando o preço cai muito, o nível do torcedor que vai ao estádio é muito pior. Inclusive, atrai um perfil de público que devemos abolir dos estádios, que é uma bandidagem.”, disse o colunista.

Sim, errou.

Pesou demasiadamente a mão.

Não conheço Somoggi suficientemente para opinar a respeito de sua conduta e reflexões, mas tenho amigos que o tem em ótima conta, razão pela qual discordo veementemente de seu raciocínio, creio que, mal colocado em palavras, respeitando-o como cidadão.

Há de se ter nos estádios brasileiros uma divisão que atenda a todos os tipos de público, seja ele o mais pobre, que realmente representa a essência do futebol brasileiro, até os mais abastados, que podem sim pagar mais caro, até subsidiando possíveis prejuízos que seriam ocasionados pela redução do preço das entradas.

O grande problema da bandidagem nos estádios não está relacionada ao preço dos ingressos, muito pelo contrário, mas sim à frequência de torcedores “organizados”, verdadeiro covil de marginais, que, mantidos pelas próprias diretorias dos clubes, sentem-se os donos do pedaço, incomodando a quem realmente se porta de maneira decente nos espetáculos.

E a frequência dessa gente independe de preço dos ingressos, porque o deles, sempre sai na “faixa”, subsidiado por quem não quer receber críticas pela incompetência.

A solução para resolver o impasse é simples: cumprir a Lei.

Lugares numerados, sem preferência ou reservas, em que torcedores se misturam, evitando a formação de guetos de valentes, que, sozinhos, comportam-se como carneirinhos.

Abolir a bandidagem do estádio passa por devolver ao público comum, decente, trabalhador, a igualdade de benefícios, seja ela nos locais mais baratos ou até mesmo nos camarotes mais requintados.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: