Advertisements

Juventude, 100 anos

Por JOSE RENATO SATIRO SANTIAGO

Hoje, o Esporte Clube Juventude chega ao seu centenário.

Em pleno dia de São Pedro em 1913, 35 jovens fundaram o primeiro clube de futebol da cidade gaúcha de Caxias do Sul.

Não demorou muito para o Juventude mostrar que dominaria o futebol citadino.

Logo em 1920, na primeira competição local, venceu seu primeiro título.

Aliás, o primeiro do heptacampeonato da cidade conquistado em 1926.

Nas primeiras dezesseis edições da competição da cidade, o Juventude venceu 15 delas.

Um domínio absoluto.

O Juventude é o maior campeão da cidade com 24 títulos municipais.

Caxias do Sul já era pequena para o Juventude.

Em 1965, um feito, chegou ao vice-campeonato estadual, algo inusitado para a época.

Foram necessários quase trinta anos para que a maior equipe do interior gaúcho passasse a ter reconhecimento nacional.

A década de 1990 foi do Juventude.

Em 1994, conquistou seu primeiro título nacional, o campeonato brasileiro da segunda divisão.

Desde então ficou na primeira divisão do campeonato brasileiro por 13 anos consecutivos, a maior sequência de uma equipe do interior.

Mais quatro anos, em 1998, viria a primeira conquista estadual.

Após vencer a primeira partida por 3 a 1 em seu estádio, Alfredo Jaconi, o Juventude empatou sem gols com o Internacional no Beira Rio.

Aliás, Alfredo Jaconi um dos grandes ídolos das décadas de 1930 e 1940.

Em 1999, aconteceria a sua maior conquista.

Na primeira partida, o Juventude sufocou o Botafogo, e vencia por 2 a 0, até o final da partida, quando um gol da equipe carioca, virou uma grande preocupação.

Uma vitória simples daria o título aos alvinegros.

No entanto, havia um Juventude no meio do caminho.

Em pleno Maracanã com mais de 100 mil pessoas, o Botafogo não conseguiu sair do 0 a 0.

O Juventude impôs um novo “Maracanazo”.

Em 2007, o rebaixamento para a Série B do Brasileiro abriu portas para a pior fase da história do clube.

Hoje o Juventude amarga a Série D do Brasileiro, longe bem longe do seu lugar real.

Se os primeiros cem anos já foram gloriosos, os próximos serão bem mais.

Advertisements

Facebook Comments

6 Responses to “Juventude, 100 anos”

  1. m Says:

    Bem feito. Quem mandou me dispensar?

  2. Asiatico Says:

    Ainda bem que meu time nunca foi rebaixado.

    Pude ver nesses 30 e poucos anos de futebol grandes times como o meu time, o Flamengo de Zico e o Palmeiras de Evair. O tempo passou, mas o que ficou no passado ainda é algo que toca a todos pois foi numa época onde o futebol era o futebol arte.

  3. Bizouro KISSUCO Says:

    Que se exploda o juventude!

  4. Tom Says:

    Asiatico , a série a2 do paulista manda lembranças …

  5. São Paulino gay e feliz Says:

    Asiatico nos caimos pra segunda do Paulista, vc se esqueceu ???

  6. Paulo Says:

    Não entendem nada. 100 anos não são 100 dias. Respeitem pois

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: