Advertisements
Anúncios

Sentimento: consumidora Indignada!

Por Profa. CHIRLES OLIVEIRA*

Hoje precisei fazer um exame de sangue e fui no Laboratório Delboni da Granja Viana, mas depois de uma hora de espera, na hora da ficha descobri que não seria atendida, por pura burocracia, a solicitação médica estava marcada com X.

Liguei para Plano de Saúde Marítima e a atendente queria resolver passando uma nova guia, mas o DELBONI não aceitou, pois a responsável do Financeiro Maria Novaes, afirmou que era impossível, não fazia parte do contrato entre Delboni e Marítima.

Mas ninguém pensa no consumidor que precisa apenas fazer um exame (em jejum, e depois de 1 hora de espera?)

Até quando o financeiro é mais importante do que o humano, o contrato comercial vale mais do que bom senso e do bom atendimento ao cliente?

Entrei lá às 10h e saí às 11h, ou seja, tive que sair de lá correndo para chegar em outro laboratório para fazer o exame até às 12h, pois no sábado a coleta é até às 12h.

Enfim, como consumidora me senti indignada em ser tratada como um reles número contratual.

Grata pela atenção

Chirles de Oliveira

*Chirles é das mais competentes professoras de Comunicação Social com ênfase em Jornalismo. Deu aula inclusive a este jornalista.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

14 comentários sobre “Sentimento: consumidora Indignada!

  1. Em 07/2/2013 estava transitando pela Av Bernardino de Campos no Paraiso quando, parado no transito, eu senti meu coração acelerar e sair fora do ritmo (depois fiquei sabendo que era uma fibrilação atrial). A sensação era de morte eminente. Peguei o primeiro farol e virei a esquerda na contra mão, e parei no HCor. Deixei o carro com o segurança e cambaleando entrei no hospital. Fui socorrido de imediato. Me levaram para uma sala de emergencia, fizeram um eletro, o médico me deu 2 comprimidos de ritmonorm, após 2 horas o coração voltou ao normal. Me deram alta e ao sair fiquei sabendo que não atendem a Amil. Tive que pagar 1.800,00 reais por 2 horas. O convenio me reembolsou 160,00 reais. No site do HCor eles colocam que são Excelencia na assistencia saúde, e atendimento humanizado e compromisso social. Mais uma piada do Brasil. Quero que esses arabes morra com o dinheiro engasgado…Malditos ladrões….

  2. Esse é o tipo de assunto que todos se esquivam, principalmente o governo, pois ele arrecada muito não dá nada em troca,pois os serviços governamentais são péssimos e deixa a classe média nas mãos de máfias como essas da saúde, do ensino, do trabalho informal etc,etc,etc.

  3. Fiquei 4 meses pra fazer uma ultrasonografia do meu pe, depois de constatada uma fratura por stress, o convenio nao deixou eu fazer, pq faltavam 4 meses de carencia. Hoje depois de 2 meses apos exame, meu pe ainda nao recuperou, e doi do mesmo jeito. E o pior, o exame feito nao contou a tal fratura , rsss, Piada. Meu convenio? Sul America. Laboratorio? Fiz a tal ultras…. no Hospital Sao Camilo da Pompeia.

  4. minha mulher tb não conseguiu identificar a fratura por estress no pé, no ultrassom, precisou de uma ressonancia magnetica, aí apareceu

  5. Dia 09 de abril de 2013,minha mãe de 74 anos,cadeirante,entrou em contato com o Laboratório Delboni,unidade Psulo Faccini,em Guarulhos,que desejava tomar a Vacina Antipneumonia(23 valente).Foi informada que possuiam a Vacina e o valor era de 72 reais.Um taxista foi leva-la,pois eu estava trabalhando,e ao chegar no laboratorio informaram que nao havia a vacina.Informaram que ela deveria ir a outra Unidade em Guarulhos.Mais uma vez,nao havia a vacina.Entrei em contato com o laboratorio,Pritocolo 5356/04-2013, e até o momento nao recebi resposta.É desta forma que o Laboratorio Delboni,trata um cliente particular(minha mãe queria pagar pela vacina!!!).Repetindo:minha mãe tem 74 anos e é cadeirante.

  6. Mas não se preocupem. Tudo vai melhorar. A copa vem ai, teremos ótimos estádios, infraestrutura perfeita, a segurança também vai melhorar. E em seguida a copa, teremos a olimpíada, para coroar de vez a grande melhora.

    E plano de saude serve para vc nao morrer na fila.

    e vejam o atraso que nos encontramos:

    Meu filho no começo do ano sentiu se mal no Chile, e levamos ele ao hospital mais proximo, o Del Salvador, um hospital público.
    Suspeitando de algum problema neurológico, o medico atendente imediatamente o encaminhou a um neurologista. Sim, havia um no plantão, isso na madrugada de segunda para domingo. O neurologista solicitou entao uma tomografia, e nova surpresa, o exame foi realizado meia hora depois. De posse do resultado, constatou a necessidade de uma ressonancia, marcada e realizada no dia seguinte dentro de uma pontualidade britanica.
    Em seguida meu filho foi encaminhado a unidade de neurocirurgia para cuidar do caso.Tudo isso em um hospital público.
    Cada enfermaria desse hospital, para um grupo de 6 pacientes há um médico e 2 enfermeiros 24h/dia. No Chile os tecnicos e auxiliares de enfermagem, não realizam procedimentos de risco. Um medicamento controlado, somente é ministrado por enfermeiro com graduação superior.
    No plantão há médicos das principais especialidades.
    Eu sinceramente não esperava encontrar um atendimento de tamanha qualidade e me envergonhei do que vemos aqui no Brasil, ruim mesmo quando voce se dispõe a pagar.
    Tudo bem que o Chile é um pais pequeno, mas a diferença é abissal.
    De volta ao Brasil, o medico daqui solicitou nova ressonacia, o que nem sei se realmente seria necessário, mas como os laboratorios tb precisam lucrar, lá fomos para um nova ressonância, marcada, depois de muita briga para 6 dias depois….
    Realizada a nova ressonância, constatou se que a mesma estava incompleta e deveria ser realizada outra. Só que dessa vez me recusei a pagar novamente os 200 Reais de custo do contraste.
    Contraste mesmo é a saude no Brasil. Deprimente, revoltante.
    Isso é uma parte da história. Fosse relatar tudo, daria um livro.

    Passou da hora do povo brasileiro fazer algo. É inaceitável com tantos impostos que pagamos um atendimento nesse nível. Levo meu cachorro ao veterinário e lá ele é melhor atendido que um ser humano. Chega ser humilhante o que a população passa quando presisa de algum serviço hospitalar.

  7. Já tentou falar com o financeiro da telecomica/vivo? Eles mandam mais que a ouvidoria, talvez apenas a matriz na Espanha tenha mais poder.
    Agora falar em planos de saude é piada, se você tiver um plano médio para básico se contente em ser atendido porque a rede convencida é vergonhosa!
    Minha namorada tem o plano mais caro da sulamerica e mesmo assim qdo tem q marcar consulta ou exame tem dor de cabeca!
    Se você morar em SP use os hospitais públicos que você é bem atendido, o unico problema é a demora para alguns procedimentos, existem alguns hospitais geridos pelo Einstein que o serviço é exepcional, ja tive que usar em uma emergência e não tenho do que reclamar.

    Detalhe o supercoxinha prefeito de SP, quis acabar com esses convênios para colocar a turminha de mensaleiros…

  8. O Chile não é um pais pequeno, é um pais ORGANIZADO, o ESTADO Chileno é muito pequeno deve ter algo em torno de 5 ministérios, que cuidam apenas das principais pastas saúde, educação trabalho, um pais aberto, pode-se importar e exportar tudo livremente, ou seja, é muito bem administrado!
    No Brasil não falta dinheiro, temos políticos em excesso e nenhuma administração nada!

  9. O pior problema do Brasil é a fiscalização, que NÃO EXISTE. Por isso, todo mundo faz o que quer. Os planos de saúde estão nessa, também. Os Procons não dão conta de tanta procura, de tantos problemas, de qualquer área. Não há punição, as multas simplesmente não são pagas e fica por isso mesmo. E as nossas “autoridades”, tipo Ministério Público, que deveriam aceitar as denúncias e, em último caso, resolvê-las, se os órgãos públicos responsáveis não o fazem, também ficam no empurra-empurra, um passando ao outro a sua responsabilidade. E a gente fica tal qual bolinha de pinguepongue. O brasileiro é mesmo um CONFORMADO, na sua grande maioria. E quem reclama é o “chato” do ano. Grande coisa. Tem é de procurar as autoridades, denunciar, enfim, fazer tudo que for possível pra incomodar, já que resolver a gente acaba resolvendo por nós mesmos. Eles contam com a nossa desistência e a grande maioria desiste. Isso faz a alegria deles.

  10. Paulo, o convenio Maritima é excelente, estes procedimentos tem que ser revistos pelos médicos solicitantes….tb já sofremos com este tipo de problema “x”…..

  11. Como disse o leitor Alemão , plano de saude serve para vc não morrer na fila. A grande maioria, além de caro é pessimo.
    Aqui no Sul, a Unimed é razoável.
    Só que, há um detalhezinho de bastante importancia por detrás desse bom atendimento da Unimed. A rede credenciada é veladamente pressionada a não se credenciar por outras empresas. Por se tratar de cooperativa, subentende-se que o médico cooperado é “dono” da empresa. Assim não atenderá pelo concorrente. E aonde tem monopólio, o resultado é descaso.
    Minha mãe, com 80 anos, por muito pouco não faleceu em decorrência da Unimed demorar a liberar um procedimento coberto segundo a ANS, sob a alegação que ele já teria realizado muitos exames e era um caso para uma análise mais detalhada.
    Se o profissional solicitou, o paciente está em situação crítica, como é que os familiares podem saber se é necessário, se há fraude ou qqer outra irregularidade? Se há suspeita, atendam o paciente, e investiguem depois. Afinal o profissional é exclusivo daquele plano. E isso a um custo de 700 Dilmas/mes… O caso está
    na justiça por danos morais

  12. Pior que para uma grande maioria de prestadores de serviço somos tratados como reles números, isso não deveria ser assim principalmente quando estamos falando coisas relativas à saúde.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: