Advertisements
Anúncios

Solidariedade a V(W)anderlei(y) Luxemburgo – o perseguido

Bicheiros, negociatas, documentos falsos: saiba como V(W)anderlei(y) Luxemburgo está pegando dinheiro do Flamengo

Não é admissível o que membros de CPIs, o Judiciário, manicures e parte da imprensa estão fazendo, há anos, com o treinador V(W)anderlei(y) Luxemburgo.

Pura perseguição.

Esta que chegou ao ápice, no dia de ontem, com a confirmação de sua condenação criminal por falsidade ideológica em Tocantins, terra em que tentou se lançar candidato a Senador.

Fazer um homem de tamanha elegância, lavar banheiros em hospitais, servir marmitas em presídios, seja lá o que designarem para que seja parte de seus “serviços comunitários”, em troca de não cumprir a pena de um ano e seis meses de prisão, além do pagamento de quase R$ 70 mil em multa, ofende toda uma história de “pojetos” e luta pelo “comunismo” no futebol.

Luxa, que sempre batalhou pela distribuição de renda em transação de jogadores de futebol, além da divisão compulsória de salários entre atletas e treinadores, e também pelo direito de pagar jantares a jornalistas que considera capacitados para difundir a sua causa, merecia tratamento melhor.

Tomara, almas beneméritas como as que depositaram R$ 100 mil em sua conta, que até hoje o treinador diz não ter identificado, situação esta questionada em uma de suas CPIs, possam, ao menos, contribuir com a parte financeira de sua pena.

E que as perseguições sejam, ao menos, amenizadas daqui por diante.

Afinal, não há como trabalhar adequadamente tendo que, quase diariamente, explicar atos tão vanguardistas de divisão de renda, incompreensíveis a setores, digamos, mais conservadores da sociedade.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: