Advertisements

Romarinho brilha e Corinthians afunda o Palmeiras

Com ótima atuação individual de Romarinho, a equipe reserva do Corinthians venceu o Palmeiras, de virada, por dois a um, no Pacaembu.

Valdívia, pelo Palmeiras, e Douglas, do Corinthians, foram as nulidades do jogo.

O Verdão começou melhor a primeira etapa e logo aos 3 minutos abriu o marcador, quando Barcos dividiu com a zaga, após bola cruzada pela direita, João Vitor tentou chutar, errou e, na sobra, Mazinho completou.

Daí por diante, aos poucos, o volume de jogo do Corinthians foi crescendo e o Palmeiras, tentando manter a vantagem, recuou.

Aos 5 minutos, Willian Arão arriscou da entrada da área, mas Bruno defendeu.

Dez minutos depois, de maneira espetacular, Liedson aproveitou erro da zaga, acertou uma bela bicicleta, mas a bola, caprichosa, pegou no pé da trave esquerda, passou por toda a linha do gol, e não entrou.

Aos 22 minutos, com o Corinthians pressionando, Bruno fez ótima defesa em batida de Weldinho.

O Palmeiras, mesmo com a equipe mais titular do que a do adversário, não conseguia contra-atacar, e, aos 33 minutos levou o justo castigo.

Por sinal, um golaço.

Willian tocou na direita para Liedson que cruzou para Romarinho, de letra, empatar a partida.

Na segunda etapa, Felipão voltou com Valdivia, que nada fez, e Maikon Leite, que ao menos tentou.

Mas, antes que qualquer alteração pudesse fazer efeito, o Timão partiu para o ataque, perdeu duas boas oportunidades e, aos 10 minutos, conseguiu o gol da vitória.

Foi quando Romarinho recebeu a bola na entrada da área, deu um drible de corpo desconcertante em Cicinho, e acertou o ângulo direito de Bruno, marcando novo golaço.

Sem alternativa, o Palmeiras se lançou para frente, Henrique abandonou o meio de campo e virou atacante, chegando até a levar perigo em algumas jogadas.

Valdívia, um horror, somente foi notado por um cartão amarelo recebido de maneira irresponsável ainda no inicio do segundo tempo.

Aos 25 minutos, Maikon Leite quase marcou ao acertar chute de primeira, com o pé esquerdo, bem defendido por Julio Cesar.

No contra-ataque, aos 33 minutos, o Corinthians quase ampliou quando Liedson pegou a bola no setor defensivo, avançou por todo o ataque, bateu cruzado, no alto, e Bruno fez grande defesa.

Os últimos minutos foram marcados por pressão palmeirense, poucas oportunidades de gol e o Corinthians, com calma, segurando o marcador.

Resultado importante que tira a equipe de Parque São Jorge da incomoda lanterna no campeonato e deixa o Palmeiras com o sinal de alerta, sabedor de que precisará mudar muita coisa para não ser rebaixado em 2012.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: