Patrocínios de Jorge Kajuru eram fajutos

“QUEM MENTE, TAMBÉM ROUBA…”, JORGE KAJURU

O único dinheiro que mantinha o jornalista Jorge Kajuru na internet, antes de ingressar no canal Esporte Interativo, era oriundo do bicheiro Carlinhos Cachoeira.

Todos os seus patrocínios, desde a TV Kajuru, até os blogs, twitters, etc., eram fajutos.

Serviam apenas para mascarar a verdade, e superdimensionar uma importância que seu trabalho já não possuía, há tempos.

Os banners de grandes empresas eram colocados sem que as mesmas soubessem ou pagassem pelo serviço.

Houve um caso, constrangedor, em que Kajuru pediu para que no lugar do “ao vivo” da TV Kajuru fosse colocado o símbolo da empresa de telefonia “VIVO”, sob pretexto não apenas de valorizar os programas, como também de tentar atrair o anunciante.

Dias depois a empresa de publicidade, conhecidíssima no mercado, recebeu um telefonema de gente ligada ao falso anunciante, exigindo a retirada do símbolo, dizendo que aquilo, mesmo gratuitamente, denegria a imagem da empresa.

O símbolo foi retirado, mas a prática continuou existindo, nos meses e anos subsequentes.

Querem checar ?

É fácil.

Basta enviar e-mails para os “anunciantes” da TV Kajuru ou de outras mídias do “jornalista” questionando a veracidade dos patrocínios.

A resposta será surpreendente.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.