Advertisements

Conselheiro do Corinthians mente para a Justiça e se complica

Na última semana o conselheiro corinthiano, Manoel Ramos Evangelista, vulgo Mané da Carne, recebeu intimação para que esclareça qual dos dois documentos enviados pelo próprio à Justiça é verdadeiro.

O caso se refere a uma dívida, de pouco mais de R$ 20 mil, com a Sra. Elnice Gonçalves Teles, que se enrola por quase uma década.

Depois de diversas manobras jurídicas, Mané foi condenado e teve seus bens penhorados.

Entre eles um automóvel, que não consegue ser localizado em local algum de Ferraz de Vasconcelos, cidade pela qual o corinthiano ocupa o cargo de Assessor do Prefeito, mesmo sendo devedor em mais de R$ 100 mil relativos a impostos não honrados.

O fato é que “Manézinho de Ferraz”, como é conhecido no local, informou à Justiça que o veículo encontrava-se em sua residência, fornecendo o suposto endereço aos autos do processo.

Porém, logo na sequencia, outro documento foi anexado, pelo próprio réu, informando que o executado não morava mais no local.

Uma atitude com a marca da inteligência habitual do ex-assessor de Andres Sanches.

Ação que motivou a reação do Juiz da comarca, que exige agora o esclarecimento da verdade.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: