Empresário de jogadores ligado ao Corinthians entra na mira do FBI

Andres Sanches, Fernando Garcia e Paulo Garcia

O FBI pediu colaboração dos órgãos e investigações brasileiros para tentar identificar o proprietário de uma “off-shore” que teria sido utilizada por diversos dirigentes de clubes para receber dinheiro indevido em transações de jogadores.

Os investigadores americanos acreditam que a conta pertence ao agente Fernando Garcia, irmão do dono da Kalunga, Paulo Garcia, que tem no Corinthians sua principal fonte de negócios.

A informação partiu de delação premiada na Nike, nos EUA, que indicou locais de pagamentos de propinas a dirigentes.

Fernando Garcia já é réu de ação promovida pelo MPF por fraude em transação de jogadores em conluio com o departamento de registros da CBF.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.