Advertisements

Top 10: Os recordes de Messi

Por XICO MALTA*

http://xicomalta.wordpress.com/2012/03/08/top-10-os-recordes-de-messi/

O Barcelona foi implacável ontem no jogo de volta das oitavas de final ao vencer o Bayer Leverkusen em casa por 7 a 1, graças aos cinco gols de Lionel Messi, fato inédito na história da competição.

Ao vencer por 3 a 1 no jogo de ida, na Alemanha, os atuais campeões europeus se impuseram graças ao talismã argentino, autor dos 45, 46, 47, 48 e 49 gols de sua carreira na Liga dos campeões, com apenas 24 anos de idade.

Em segundo lugar no campeonato espanhol, dez pontos atrás do rival Real Madrid, os pupilos de Pep Guardiola não perdoam os adversários da Champions. Com mais esta vitória, o Barcelona está invicto a 14 jogos na mais prestigiosa das competições europeias.

Ontem, Messi bateu três recordes em cinco gols marcados. Com apenas 24 anos de idade, neste ritmo, muitos recordes ainda virão, pelo menos nos próximos 8 anos.

1. Dois Hat -Tricks consecutivos na Liga dos Campeões

Aos 49’ de jogo de ontem contra o Bayer Leverkusen, Messi, com o pé direito, encobriu o goleiro do Bayer de 1,90 m. Seu terceiro gol do jogo. Depois dos três gols marcados na fase de grupos contra o Viktoria Plzen (4×0), o argentino se transformou no primeiro jogador a marcar dois Hat-Tricks em uma mesma temporada da Liga dos Campeões.

2. Duas vezes quatro gols na Liga dos Campeões

Aos 58’ de jogo, a “pulga” empurrou a bola no fundo das redes pela quarta vez, aproveitando o erro do pobre coitado Leno. O craque argentino já tinha marcado quatro gols na Liga dos Campeões contra o Arsenal há dois anos (4×1). Ele é o primeiro jogador a realizar esta façanha por duas vezes nesta competição.

3. Primeiro quíntuplo na Liga dos Campeões

Aos 84’de jogo eis que surge algo inédito na Liga dos Campeões. Coisa jamais vista na mais prestigiosa competição europeia de clubes. Lionel Messi ao marcar o seu quinto gol entra definitivamente para a história do futebol europeu. Recorde de menos para Di Stefano, Puskas e Kocsis.

4. Recorde de gols em uma edição da Liga dos Campeões

O argentino agora reparte o recorde de gols (12) de uma única edição de Champions com o holandês Van Nistelrooy (temporada 2002/2003). Faltam dois a cinco jogos para Messi quebrar a escrita do holandês.

5. Assistência e artilharia em 6 competições

Primeiro jogador a marcar pelo menos um gol e dar um passe decisivo em seis competições diferentes em uma temporada (Campeonato Espanhol, Copa da Espanha, Liga dos Campeões , Supercopa da Europa, Supercopa da Espanha e Mundial de Clubes). O companheiro Pedro foi o primeiro a realizar este recorde de gols há dois anos. Messi foi melhor nesta temporada ao adicionar as assistências.

6. 1,69 m

Ele e Romário são os únicos atacantes de ponta medindo apenas 1,69m. Ele é também o primeiro homem a se transformar no melhor jogador do mundo depois de ter tido uma doença hormonal que retardava o seu desenvolvimento ósseo. Há 10 anos ele media somente 1,11m.

7. 53 gols

Na temporada 2010/2011, ele marcou 53 gols em todas as competições disputadas (31 na Liga, 7 na Copa da Espanha, 3 na Supercopa, 12 na Champions) e se transformou no primeiro jogador a marcar mais de 50 gols em uma única temporada.

8. Três Bolas de ouro

O argentino com apenas 24 anos de idade já conquistou três Bolas de ouro, ou seja, por três vezes foi considerado o melhor jogador do universo. Pelo visto a quarta Bola de Ouro não vai demorar muito para acontecer. Em 2009, na sua primeira premiação, foi o primeiro argentino a receber o troféu. Maradona, injustiçado, sempre teve motivos para odiar a revista France Football, idealizadora da premiação.

9. Quase maior de idade

Messi se transformou no mais jovem artilheiro do Barcelona, aos 17 anos e 310 dias, contra o Albacete. Sete anos depois, ele é o segundo melhor artilheiro da história do clube com 228 gols. César Rodriguez, o maior artilheiro da história do clube catalão com 235 gols em 351 jogos, já pode colocar as barbas de molho.

10. Hat-Trick aos 19 anos

Ele é o mais jovem jogador da história a marcar um Hat-Trick num clássico. Foi no dia 10 de março de 2007, no Camp Nou, aos 19 anos de idade. Placar final 3 a 3. Barcelona jogou com 10 jogadores durante todo o segundo tempo. Casillas tinha acabado de descobrir Messi.

* XICO MALTA é advogado, radialista, corinthiano, integrante do programa “Blogueiros” e apresentador do “Conexão Europa”, ambos pela rádio MidiaCast.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: