Advertisements

Vereadores beneficiam a Rede Globo

Foi aprovada em São Paulo uma lei que obriga todas as partidas de futebol a terminarem antes das 23h15m.

É um avanço, porém considero ainda inadequada.

A idéia está sendo vendida como se fosse horrível para a Rede Globo.

Na verdade, passa até a atender os interesses dela, se observarmos que a idéia inicial era de que o horário final teria que ser 22h30m.

Os vereadores que estão posando como homens que peitaram a “toda poderosa” estão claramente trabalhando a favor de seus interesses.

O horário foi esticado para 15 minutos após as 23h.

Se observarmos que as partidas transmitidas pela emissora, se não atrasarem, tem horário previsto para iniciarem às 21h45m, teremos como resultado final o horário de 23h30m para o termino destes jogos.

Ou seja, diferença de apenas 15 minutos.

Não prejudicará a emissora, que terá como adequar sua programação sem grandes mudanças, e continuará a prejudicar o torcedor, que terá que continuar sofrendo para não perder o último ônibus ou metro na saída dos estádios.

É evidente que o primeiro texto, modificado pelos vereadores, que previa o início das partidas às 20h45 e término às 22h30m, sem dúvida, seria o mais adequado.

Mas ai sim, teríamos os políticos em guerra com a emissora.

Evidente, não tiveram a coragem necessária para isso.

Facebook Comments
Advertisements

35 comentários sobre “Vereadores beneficiam a Rede Globo

  1. Fábio Barbano

    A Globo tem o poder. Se aprovada a proposta, teremos futebol com 2 tempos de 30 minutos. E a novela intocável. 🙂

  2. Mauricio

    Paulinho voce me desculpa mas falar que o problema é do horário do jogo ser tarde é da Globo não tem cabimento.Primeiro ela comprou e pagou muitas vezes adiantado pelo evento e em contra partida exige algumas coisas como os horários dos jogos,quais jogos e para onde serão transmitidos ,etc cabe aos clubes aceitarem ou não estas condições.
    A culpa é deles que são administrados de forma amadora e ficam refém das condições impostas pela Globo para pagar o valor desejado.
    E mais na Europa o nos Estdos Unidos tem jogos a noite tambem por volta deste horário das 21:45(A Copa dos Campeões é um exemplo) e os jogos tambem acabam tarde e se enganam quem pensa que lá também tem transporte depois da meia-noite.
    As pessoas tem que se virar.
    O problema é que estes politicos acham que fazer os jogos mais cedo os problemas de transporte em SP estarão resolvidos.

  3. Rodrigo

    Paulinho, pode não ser o ideal, porém essa meia hora que antecipa os horários é bem preciosa para quem tem que voltar pra casa de condução publica. Pode não ser o ideal, mas já melhora !

  4. LINCOLN

    Seria engraçado se não fosse ridículo. Mudança sem pé nem cabeça, simplesmente não resolveram nada!!!!
    Continua tudo a mesma coisa. Quinze minutos é a mesma coisa que nada!!! Não é fácil modificar estes horários de jogos e não será uma lei municipal que irá mudar isso. Tem muita coisa e gente envolvida nesta história. Não serão os vereadores de São Paulo que irão resolver esta parada!!!

    PS: O calculo do Paulinho procede e muito. Ou alguem acha que se houver um atraso nos jogos e eles ultrapassarem o limite das 23:15, alguém vai parar a transmissão da TV. E quem será punida neste caso: os times???? as emissoras???? Qual será a punição: multa, cancelamento do contrato de transmissão dos jogos(kkkkkk). Ainda tem muitas perguntas no ar sem respostas. Quem sabe o caçado Marco Aurélio não tem resposta para isso. Ele diz que sabe tudo de tudo…..

  5. SAMURAI

    Jogos de futebol teria que acabar ás 22:30 pois sair da zona leste para o pacaembu ás 23:45 é uma tristeza.

  6. Danilo

    Se cumprido a risca, esse será quase o horário antigo dos jogos antes de a Globo perder a vergonha de vez… até uns 4 ou 5 anos atrás, os jogos, de fato, começavam as 21:45… muitas vezes, quando a transmissão iniciava, os jogos já estavam rolando, pq começavam no horário… depois, como donos do futebol que são (vc sabia que a CBF, uns tempos atrás, tinha vendido até o direito de exploração da bola da copa do brasil e do brasileirão para a Globo?), fizeram os jogos começar somente após o final da novela, e depois mudaram para 21:50 e, agora 22h…

    Dúvido que funcione, tinham que estabelecer o horário de início dos jogos, e com limite de tolerância de atraso para situações específicas (chuva, falta de energia etc., aquelas previstas nas regras das competições) e não o de término… é só atrasarem por qq motivo o começo do jogo e os vereadores ganham uma “banana” da emissora…

    Vergonhoso, pra variar.

  7. thiagovm

    E se a partida for para prorrogação (em caso de final de Libertadores, por exemplo) e pênaltis? Pára e continua outro dia? Há excessões? Ridículo!!!

    Isso não deveria ser lei, deveria ser apenas uma exigência do Clube dos 13 quando assinasse os contratos… Se os clubes não pensam nos torcedores, azar o deles, troquem de esporte para acompanhar…

  8. LINCOLN

    DEU NO UOL ESPORTES:

    26/02/2010 – 09h01
    Projeto que prevê jogos mais cedo em São Paulo não deve prosperar
    Eduardo Ohata e Mariana Bastos
    Da Folhapress
    Em São Paulo

    Aprovado em primeira votação na Câmara dos Vereadores de São Paulo na última quarta-feira, o projeto de lei que estipula 23h15 como horário limite para o encerramento de jogos de futebol na cidade não deve prosperar. É o que mostra a história recente.
    Mesmo que seja aprovado em segunda votação na casa legislativa, o projeto tende a ser vetado pelo prefeito Gilberto Kassab (DEM). Em 2007, o político não sancionou projeto de conteúdo bem similar de autoria do então vereador Tião Farias (PSDB). O texto determinava que os jogos disputados nos estádios da cidade não poderiam ter início após as 21h.
    O argumento utilizado para justificar o veto foi o de que o projeto de lei 511, de 2006, teria conteúdo inconstitucional, pois trataria de direito desportivo, matéria cuja competência legislativa é reservada à União e Estados, não podendo o município legislar a esse respeito.
    Se aprovado, o projeto prejudicaria também a Globo, que exibe os jogos do Paulista na TV aberta, a cabo e pelo seu braço em pay-per-view. Marcelo Campos Pinto, executivo que negocia direitos do futebol, não respondeu as ligações telefônicas da reportagem.
    O prefeito disse, via sua assessoria de imprensa, que, em respeito à Câmara, não comenta o projeto enquanto não for aprovado na segunda votação.
    A possibilidade de veto não desanima o vereador Antonio Goulart (PMDB), que é um dos autores do projeto de lei que ainda tramita na Câmara e não tem uma data definida para passar pela segunda votação.
    “O prefeito, que tem sido um guardião da moralidade, da cidade limpa e da lei do silêncio, não pode ser incoerente e vetar uma lei dessa natureza”, argumentou o vereador, que questionou o argumento utilizado para o veto ao projeto anterior.
    “É competência do município estabelecer horário de funcionamento de tudo na cidade. Tanto é que a lei de fechamento de bares, que é à 1h, é municipal, não é estadual”, apontou.
    Caso Kassab opte por vetar também esse projeto, assim como fez com o anterior, o texto retornaria à Câmara, que deliberaria sobre a manutenção do veto ou não. Caso a maioria absoluta dos vereadores vote por derrubar o veto, o projeto segue para o presidente da Câmara, que pode promulgá-lo mesmo sem a anuência do prefeito.
    O presidente da casa, Antonio Carlos Rodrigues (PR), admite que esse tipo de tramitação não é comum. Não são muitos os casos de projetos vetados pelo prefeito que acabam promulgados na Câmara posteriormente. Apesar disso, Rodrigues afirma que vai se esforçar para que o projeto se torne lei.
    “Sou favorável à sanção. É humanamente impossível alguém sair do estádio, no Morumbi ou no Pacaembu, à meia-noite e voltar para Parelheiros, Campo Limpo e Capão Redondo. O torcedor demora quase uma hora para sair do estádio e depois não tem mais condução”, afirma o vereador, que não considera que o prefeito seria incoerente se resolvesse aprovar desta vez o projeto.
    “Mas, se ele vetar, eu vou pautar e vai ter o meu voto e da minha bancada, composta por cinco membros, para derrubar o veto. O projeto já sai com cinco votos pela derrubada”.

    SEM MAIS COMENTÁRIOS.

  9. sandro

    Se entendi bem porque a matriz da Globo é no Rio está dizendo que eles mandam em São Paulo? Pára com isso, uma coisa não tem nada a ver com a outra.

  10. sandro

    Perfeito, isso sim é um comentário inteligente. Vamos parar de ficar colocando minhocas nas cabeças dos leitores, esse Blog faz muito isso. A Globo comprou, os clubes aceitaram, então quem teria que falar alguma coisa não pode porque suas cotas são antecipadas todos os anos e alguns até com mais de um ano de antecedência. A Record ficou intereçada, ofereceu mais dinheiro que a Globo e nada aconteceu porque todos estão com o rabo preso, é simples, quanto mais bater de frente.

  11. Felipe Palmeiras

    Pode ser uma merda pra nós, mas a novela das 20h que acontece as 21h rende quase sempre o dobro de audiência que uma partida de futebol!

  12. rafael sollis

    Duvidoooooooo.. isso acontecer, a globo manda e desmanda nesssa porra de politica, qual vai ser o brilhante politico a fazer isso.

    O Prefeito Gilbeto Kassab posso garantir para todos vcs que ele no ano de eleição não vai querer de forma nenhuma votar esse projeto para prejudicar a globo.

    Se ele votar esse projeto contra a globo garanto pra vcs que dou o meu c´.. pros cacchorros comerem e meixar todo largo.

  13. 7-3-3-13 rumo à 14a.

    Quem deveria chiar é o Corinthians. Afinal, ela só passa jogo do Timão. Deveria ter uma lei que a obrigasse a passar jogos dos outos clubes. A Rcecord e o SBT iriam adorar esta lei.

  14. Eduardo

    Paulinho, quem compra, faz o que bem entender. Quem não concorda com o horário, faz o seguinte: não vai. É só ninguém comparecer que, além desse problema, outros se resolvem, tais como: preço do ingresso, cambistas, flanelinhas, etc… Bastam dois ou três jogos com público ZERO, que as coisas começam a mudar.
    Abraço.

  15. michael

    essa lei é uma das mais ridículas que eu já vi… controlar horário de jogo de futebol… dá um tempo… esses vereadores não tem o que fazer não?? não tem problemas mais sérios na cidade?? Daqui a pouco vão querer acabar com a sessão de cinema tarde também, fechar restaurantes, teatros, … desculpe, mas essa lei é um retrocesso…

    a prefeitura é que tem que disponibilizar transporte coletivo 24 horas por dia numa cidade como são paulo.. que é isso?? em vez de progredir esses caras só retrocedem… Imagina transporte coletivo 24 horas por dia como a economia da cidade iria crescer?? o número de empregos criados… mas não, fica essa estupidez absurda … por que as pessoas não pensam antes de fazer as coisas hein?? meu deus..

  16. Claudio

    Não se esqueça que foi o seu prefeito preferido, o Kassado, quem vetou o projeto inicial, aprovado na Câmara de Vereadores em 2007, um ano antes das eleições.

  17. ribamarbianchini.zip.net

    Paulinho, que moral os politicos de São Paulo tem para peitar alguém, são mais de 20 vereadores cassados, prefeito Kassab cassado sem contar que o SERRA teve seu futuro vice (ARRUDA) preso em Brasília.

  18. Fábio Barbano

    É verdade. A partida de maior audiência no ano deu 30 pontos. A novela ontem deu 39…

  19. walmir

    por que não pode ter jogos após as 23:15? porque não tem ônibus e metrô mais tarde? não entendi. isso vai sair do cofre dos clubes, se a emssora perder lucro vai pagar menos pela transmissão.

  20. JEAM

    quero só ver quando o jogo for para a prorrogação e penaltes , aposto que não pensaram nesta situação

  21. Ulisses Micochero

    Eduardo, concordo plenamente com você!!! É só não ir aos jogos e principalmente, não assistir porque dará baixo índice de IBOPE.

  22. ribamarbianchini.zip.net

    Concordo, pelo menos não deixo de ver minha novela, adoro. Viva a Grobo, viu.

  23. mucio rodolfo

    A televisão deveria adequar sua grade de programação a um horário razoável para os torcedores que comparecem aos estádios. A Record já fez isto jogando uma de suas novelas para depois das onze. Antigamente, os jogos noturnos começavam às 21 horas e a televisão fazia a transmissão. Por que não pode voltar assim novamente?

  24. Sãopaulino (sensato)

    “[…Se observarmos que as partidas transmitidas pela emissora, se não atrasarem, tem horário previsto para iniciarem às 21h45m, teremos como resultado final o horário de 23h30m para o termino destes jogos…]

    Duas coisas.

    – Primeira: a rede globo é uma “fábrica” de produzir alienados no Brasil – começa com o malhação e culmina com o big bosta!

    – Segunda: as suas contas não fecham – para que os jogos terminem às 23:15 teriam que ser iniciados por volta de 21:30h – Se os jogos começarem às 21:45 terminarão apenas por volta de 23:30h.

    Conta básica: se o jogo iniciar às 21:45 (se não atrasar nenhum minuto) o primeiro tempo vai acabar às 22:33h (média de 3 minutos de acréscimo).

    O intervalo dura de 15 à 20 minutos – mas vamos ficar com 15 min.

    Então, o segundo tempo vai começar às 22:48h. Somando os 45 minutos regulamentares + 3 minutos de acréscimo, a partida vai se encerrar às 23:36h.

    Resumo da ópera: para que esta Lei seja cumprida à risca as partidas deverão ser iniciadas por volta de 21:15h, pois o tempo total de transmissão de uma partida normal é de aproximadamente 2 horas.

  25. Alan

    duvido q o kassab vai sancionar essa lei! aposto com quem quiser q ele vai desprezar e nao sancionará!
    ele ja ta sofrendo pressoes em sp por conta de sua administração( que convenhamods, esta deploravel)..enchentes..cassações.. vc acha q ele vai peitar a toda poderosa?!?! é ruim ein

  26. Pingback: Ano eleitoral, Globo e futebol… | ImprenÇa

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: