Advertisements

Cordeirinhos

A FERJ decidiu realizar duas paradas técnicas, sempre aos 20 minutos de cada tempo, nas partidas disputadas pelo Campeonato Carioca.

Uma decisão acertada e humana, levando-se em consideração a elevada temperatura carioca neste período.

Eis que a Rede Globo proibiu que jogos transmitidos por ela fizessem parte desta rotina.

De maneira submissa, a FERJ aceitou a imposição.

Um desrespeito absoluto à integridade física dos atletas.

Tudo para não atrasar o Big Brother Brasil.

É de impressionar como não há um jogador com coragem de se pronunciar a respeito do ocorrido.

O sindicato, omisso, também se cala.

Lamentável.

Facebook Comments
Advertisements

19 comentários sobre “Cordeirinhos

  1. Anderson Viana

    Que tragam as respostas dos responsáveis da Globo, Sindicato e Federação para sabermos a desculpa que podem alegar…

  2. Sandro

    Esse foi um comentário perfeito, mas Paulinho, quem paga pode e isso não está no contrato com a televisão. Se o contrato tivesse sido assinado com essa claúsula valendo para todas as partidas seria diferente, concorda? e como você é o rei da moralidade não pode criticar.

  3. Weslley

    Enquanto os clubes forem TOTALMENTE DEPENDENTES das cotas para trasmissão essa realidade nunca vai mudar… quem paga é quem manda nesse tipo de mundo…

  4. kasparaitis

    sempre essa coisa de “quem paga pode”… façam-me o favor. em nada na nossa vida as coisas funcionam assim (ou pelo menos, não deveriam). exemplo didático: num restaurante, mesmo pagando isso não lhe dá o direito de subir na mesa, gritar, xingar o garçom, cuspir no prato alheio…

    se está definida uma regra no regulamento de competição, quem tem de ceder e acatar é a rede que transmite. caso não queira e/ou possa acatar, simples, não transmita.

    nunca vi a ESPN, Fox Sports, etc. interferindo que nem a Globo em nenhuma competição esportiva…

  5. Bobo Da Corte

    Não fala mal não… ele é que financia a gente… esse ano vamos adiantar a cota de novo!

  6. Bobo Da Corte

    Infante galináceo sem nome… não faça isso… temos uns 100 anos de cotas de transmissão adiantadas, não critique quem lhe dá de comer… hahahahahahahaha!

  7. marcio

    Os jogadores tem sindicato??? Quem são seus presidentes? Que jogadores querem ser sindicalizados?? só os da 2ª e 3ª divisão, certo?

  8. Jones 8-1-1

    A mesma Rede Globo, responsável pela lavagem cerebral que transformou o Flamengo de penta para hexa…enganando a todos inclusive ao blogueiro…

  9. Corinthiano

    bobinho só para vc ficar mais alegre a jamais esquecer me mim vou revelar minha verdadeira identidade:eu sou teu sonho de consumo,eu sou o KID BENGALA.
    GOSTOU CERVIDEO?

  10. eduardo josé

    E os seus colegas jornalistas? Eles também nada falam. Só demonstram a sua “independência” e “isenção” na hora de criticar a qualidade do papel higiênico dos banheiros dos estádios, por exemplo. Em relação aos esdrúxulos horários de 16:00(em pleno verão) e de 22:00(apesar da violência) eles nada falam. Por que será?

  11. Luis

    Eu nao entendi a piada. A piada eh que os dois minutos de parada tecnica ajudarao realmente os jogadores a suportarem o calor do verao? A Globo comprou a transmissao dos jogos com o seguinte formato: dois tempos de 45 minutos e 15 de intervalo. Isto esta escrito em um contrato que nao pode ser modificado sem que as duas partes concordem. A questao nao eh ser cordeirinho mas cumprir um contrato. Entendeu?

  12. Carlos Augusto

    “Uma decisão acertada e humana, levando-se em consideração a elevada temperatura carioca neste período.”
    “Um desrespeito absoluto à integridade física dos atletas.
    Tudo para não atrasar o Big Brother Brasil.”

    Mas perai, agora o Big Brother é aos Domingos as 18:00 Hrs?????
    Atrasar o BBB na quarta?? Mas o BB na quarta começa as 21:30 Hrs, qual a temperatura elevada nesse caso????
    Outra coisa, o BBB de quarta é antes do jogo e no Domingo é as 22:00 Hrs.

    Mas que coisa sem nexo.

  13. Helder

    “Um grande esquema descoberto”

    qui, 14/01/10
    por daniel perrone |
    categoria Base Tricolor

    base_tricolorNação tricolor;

    Conforme havia dito em muitos outros textos, é de uma responsabiliade enorme se pronunciar num veículo de tanta responsabilidade como este sem uma boa base de informação sobre o que anda acontecendo no CT de Cotia.

    No popular, não dá para falar bobagem.

    Só para lembrar, não sou jornalista e por isso não é exatamente a minha função aqui ficar atrás de entrevistas e investigações. Uso o espaço com o objetivo de esclarecer ao máximo os internautas e dar a minha versão dos fatos. O resto é missão daqueles que são pagos para isso e fazem bem ou mal o trabalho. O que fiz até agora sobre o assunto foi tentar falar com os jogadores envolvidos, empresários e alguns dirigentes do Maior do Mundo. Queria ter os dois lados envolvidos nessa clara disputa entre um grande empresário do mundo da bola (de nome muitas vezes citado a mídia) e o tricolor.

    Não consegui retorno nem com os jogadores envolvidos nos casos nem com o empresário dos mesmos. Falei com o técnico da base, Zé Sérgio (ídolo tricolor nos anos 70 e 80) e alguns dirigentes. Todos os profissionais tricolores tiveram a mesma impressão do caso: Trata-se de um grande e antigo esquema armado dentro das bases tricolores, descoberto pelo clube e, por isso, motivo de ira do tal empresário, com a alegação trabalhista como “testa de ferro”.

    O técnico Zé Sergio bateu muito na tecla da atual antecipação dos garotos no mercado de trabalho, como sendo prejudicial ao futebol brasileiro. Cada vez mais os atletas são lançados sem maturidade ou capacidade suficientes de encarar o mundo profissional. Segundo ele, o São Paulo tem um plano crescente de formação exemplar e segue a risca a formação não só de jogadores como cidadãos. Além de formar grandes jogadores como Breno, Hernanes, Jean e Denílson, a função de criar cidadãos para a sociedade é outro grande desafio do clube em Cotia. Para mim, o maior.

    Já o diretor jurídico Kalil Rocha Abdalla escancarou, em entrevista ao Lance!, o motivo da “rebelião júnior” em Cotia. Segundo ele, o empresário dos jogadores Oscar e Piazon conquistou espaço no São Paulo em 2006, quando o clube contratou o técnico do sub-15 Paulo Sérgio Tognasini (Paulinho). O então técnico já trabalhava com o empresário e recrutou atletas até o esquema ser descoberto pela diretoria tricolor. Paulinho foi demitido, provocando a quebra do esquema. Segundo a notícia no Lance!, Paulinho é atualmente olheiro do Chelsea (ING), clube com notório envolvimento de Kia e de Boris Berezowski. Entenderam até onde isso pode chegar?

    Não acredito que apenas um profissional seja responsável por todo esse esquema, mas entendo que o clube deva estar se mexendo para repelir esse tipo de ação. Uma coisa tenho certeza. Apesar de ainda não querer acusar nenhuma das partes, está claro para mim que as alegações dos jogadores na justiça de trabalho não tem embasamento algum, nem algumas desculpas que os torcedores adoram abordar, como a não utilização no time titular do clube. Não está em questão neste texto os métodos de trabalho de Cotia e se não há espaço entre os garotos no profissional. Isso é outra discussão e a alegação de falta de espaço ou oportunidade não é uma alegação plausível para sair do clube. Não há em nenhum contrato de jogador a garantia de titularidade ou de presença em campo.

    Gostaria muito de deixar o espaço aberto para a outra parte, mas como não recebi nenhum retorno, passo a versão de quem conversei e confio. Se realmente houve esse esquema e se ele foi quebrado dou meu total apoio aos dirigentes e diretores tricolores (situação ou oposição – aqui tudo é pelo clube) na enorme briga que acontecerá nesses próximos anos. Preparem-se, advogados!

    Além disso, reafirmo o que sempre defendi aqui e em qualquer lugar: A Lei Pelé é falha e precisa ser revista urgente, para o bem do futebol brasileiro. Daqui a pouco até meu sobrinho que nem nasceu vai virar craque e querer um contrato de profissional.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: