Advertisements

As bravatas do CHEFE

Assista o que o “CHEFE” diz sobre o bolsa família, e depois, em um passado não tão distante, o que falava sobre o mesmo assunto.

Tente, é claro, não vomitar.

Advertisements

Facebook Comments

87 comentários em “As bravatas do CHEFE”

  1. Paulinho, apesar de ser leitor do blog, é a minha primeira participação comentando.
    Gostaria de lhe dar os parabéns pelo post do “chefe”, que há mais de 30 anos não trabalha! Desde que virou sindicalista, lá por volta de 1975, jamais voltou a trabalhar.
    Ano que vem, tem eleições. É dever de todo jornalista sério, mesmo que de áreas diversas, manter a informação para seus leitores. E você a está cumprindo brilhantemente. Continue colocando esses filmes sobre a pilantragem. A nação agradece!
    Parabéns, novamente.

  2. Se alguém, porventura, já conheceu ou conhece, algum sindicalista brasileiro que seja competente e trabalhador, por favor me diga o nome dele.

    Porque, Se for competente e trabalhador jamais será sindicalista.
    A especialidade dessa raça é se perpetuar no poder (como meio de vida) fazendo jogo duplo entre padrões e empregados.

  3. Parece q o lula de 1995-2002 fala do lula de 2002 em diante. Pelo menos a carapuça serviu direitinho. Parabens pelo video, otimo mesmo.

  4. Lula mudou?

    NÃO, CONTINUA O MESMO!

    Lula e o PT sempre foram os mesmos, o que ocontece é que o que define o bom e o mau para o PT é o fato de algo/alguém ser aliado ou adversário político.
    Por exemplo, Color, Sarney, Maluf e Renan Calheiros sempre foram tratados como inimigos do PT, hoje são aliados a ponto de o PT livrar o a cara do Sarney no senado. Uma VERGONHA.
    O bolsa-escola do governo FHC era chamado pelos petistas de “plano de compensação do neo-liberarismo”, hoje esse mesmo plano mudou de nome para bolsa-família, e o PT o considera o maior plano de distribuição de renda do mundo.
    Como já disse, por pior que seja um partido há nele uma “ética mínima” que não há no PT.
    Por exemplo, o PT, que sempre se julgou único e exclusivo defensor do povo, não pensou duas vezes para quebrar o sigilo bancário de um caseiro. Isso só para citar um exemplo.

  5. Olha que político é político seja ele comandando associações de bairro ou sindicatos todos são na verdade políticos e aconchavos ou arranjos políticos sempre existem, não votei no Lula e muito menos venho aqui para defendê-lo até porque sou adepto “podem até acharem besteira de minha parte”, mas acho que devíamos demonstrar o nosso descontentamento votando em branco, pois os senhores que nos comandam não prestam, mas acho interessante como no maravilhoso estado de São Paulo como de repente o governo horroroso do Serra é defendido pela a Imprensa fico indignado só isso reproduzo o que vi no blog do Daniel Florencio (http://blog.danielflorencio.com/2009/01/16/jose-serra/), pois é uns dos poucos que procura mostrar a asneira que poderemos cometer em 2010.
    “Que Aécio Neves que nada! José Serra é muito pior que o garoto dourado das Gerais. Em Minas tem gente com culhão suficiente pra mostrar as pataquadas de Aécio com a imprensa. E a paulistada? Não tem nada a falar sobre Serra e suas relações com Folha, Estadão e sua ingerencia dentro da Cultura?”

  6. Engraçado, não vi nada de mais grave no que o Lula falou. Paulinho, vc precisa direcionar seu blog em algum assunto específico. Ficar atirando para todos os lados, quer seja no futebol ou na política, seja imparcial. Você gosta do José Serra, eu o acho incompetente. O que ele está fazendo para tentar alavancar sua candidatura rumo ao planalto, usando a Sabesp e o Rodoanel é simplesmente nojento.
    Antes, todos diziam que o governo Lula destruiria o Brasil. Parece que nada do que os catastrofistas de plantão disseram aconteceu. Como pode um plano que visa o auxílio de famílias carentes, QUE ESTAVAM MORRENDO DE FOME, ser tão combatido?
    Paulinho, é muito fácil ser pedra. O DURO É SER TELHADO DE VIDRO.

  7. O Bolsa-Família é um mal necessário. Há cidades em que não há a mínima condição de subsistência. Nem sempre é preguiça, é por que não cresce nem mato mesmo. Essas cidades vivem do comércio, que por sua vez, vive do dinheiro de aposentados rurais; muitos deles nunca pegaram numa enxada por que não há nada que cresça em muitos desses lugares.

    O governo sempre bancou essas prefeituras, que pouco arrecadam. Por que em vez de enviar dinheiro aos prefeitos não mandá-lo diretamente à população?

    Se há programas do gênero na capital paulista, onde muitas pessoas recebem auxílio sem precisar, por que não pode haver em cidades esquecidas onde a população bota as crianças pra tapar buracos nas estradas em troca de uma moedinha de algum caminhoneiro solidário?

    O Brasil não são só os belos roteiros turísticos…

    O que o Lula falou foi sobre a prática (que ainda existe) de compra de votos. Uma cesta básica aqui, um ônibus pra levar os eleitores pra votar acolá…

    O Bolsa-Família tem um viés leitoral sim, mas todos os governantes se utilizam dele, não só o Lula. Se o Lula foi o que teve mais competência em transformar isso em voto é outra coisa, pois esses programas assistenciais não foram por ele inventados.

  8. Viva o Serra! Tomara que o grande governador de SP consiga destruir o partido desse sem dedo… Serra é economista e Lula não é nada. Serra fala inglês e Lula nem português fala! Só isso já prova quem é o melhor!!!

  9. É nessa hora que paixões clubisticas tem que ser deixadas de lado, eu concordo com os dois

  10. Voamos em branco, mas será que a urna registra ? Vc leu que as urnas usadas no Brasil foram utilizadas em outro pais, não lembro qual, e houve fraude ?

  11. Pois é Paulinho.. o PSDB é a mesma coisa do Lula. Engraçado que do Tucanato não sai nada no seu blog né?!??

  12. Esse seu lado psdbista o impede de ser imparcial. Não reconhecer mérito no governo LULA beira a estupidez. Aliás, fale apenas sobre futebol, onde vc é apenas razoável. Quanto a política esse seu lado psdbista o impede de ver o óbvio, o que é lamentável partindo de um jornalista, que deveria se portar com isenção

  13. E ai seu paulinho e aliados, o que dizer disso?
    engraçado ne rs

    PSDB quer abandonar crítica a projetos de Lula
    Wilson Tosta, RIO
    DEU EM O ESTADO DE S. PAULO

    Estratégia é dar ?visão positiva? sobre programas sociais e esquecer discurso da “”porta de saída””

    O comando nacional do PSDB está orientando o partido a dar uma “visão positiva” dos programas sociais do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva na campanha eleitoral de 2010, afirmou ontem o presidente da legenda, senador Sérgio Guerra (PE). O parlamentar disse que a legenda não permitirá “nem de longe” a disseminação da ideia de que, se vencer, acabará com esses projetos – apenas o Bolsa-Família atende mais de 11 milhões de famílias. Segundo o senador, pesquisas mostram que as maiores dificuldades da legenda ocorrem em regiões onde há concentração dessas iniciativas do governo federal.

    Agora, os tucanos deverão abandonar as críticas ao programa e reconhecer que seu desenvolvimento foi correto. “A orientação do partido é dar essa visão positiva dos programas, reconhecer os programas do governo Lula, elogiar o que têm de positivo e desenvolver propostas. Nada que tenha a ver com aquela história de porta de saída. Porta de saída é tudo que a gente precisa para se dar mal. Não é nada”, disse Guerra.

    Com medo de perder votos, o PSDB, assim, abandonará uma das principais críticas que fazia à área social do governo Lula – a de que seus programas tornariam os beneficiários dependentes da ajuda e sem alternativas para ter uma vida econômica sem ajuda do Estado. O senador comandou reunião da bancada federal tucana para discutir as eleições de 2010, no Hotel Sheraton Barra, da Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio.

    Guerra disse que todos ou quase todos os programas sociais foram inventados pelo PSDB (que governou o País de 1995 a 2002) e desenvolvidos pelo presidente Lula, com cujo governo acabaram identificados. “Achamos que o desenvolvimento foi correto. Isso é verdade”, elogiou. “O que vamos ter é propostas para essa área social, muito precisas.” Ele afirmou que, em 2006, no segundo turno, foi organizado no Nordeste um “projeto de massificação da ideia” de que o PSDB, se vencesse, acabaria com os programas sociais.

  14. O Conversa Afiada recebeu o e-mail abaixo de uma fonte ligada à indústria do petróleo:
    “O Senador Alvaro Dias declarou que o partido está em negociação com uma empresa de Houston, nos Estados Unidos, para auxiliar seu trabalho na CPI da Petrobras. E diz mais “Foi a única empresa até agora que topou nos ajudar porque não é daqui e deve trabalhar para as concorrentes da Petrobrás. Na próxima semana devemos ter muito mais munição”.
    As motivações do PSDB aos poucos vão ficando claras. Para atacar um patrimônio nacional busca apoio em uma concorrente nos Estados Unidos, país que tem enorme interesse no enfraquecimento da Petrobras, já que pretende que suas empresas de petróleo ganhem importante fatia do pré-sal. Para isso contam com um senador tucano, que se dispõe a fazer o jogo do capital internacional contra a empresa brasileira.
    Depois de tentar mudar o nome da empresa para PETROBRAX, agora os tucanos se dispõem a prestar relevantes serviços aos concorrentes de nossa maior empresa. Mas, sobre isso, a imprensa não fala uma linha.
    Álvaro Dias deverá se encontrar com representantes de uma empresa de Houston na próxima semana para fechar contrato de investigação sobre a Petrobras. Dias deixou subentendido que a investigação que ficará a cargo da tal empresa pode ultrapassar a análise dos documentos enviados à CPI. O senador falou sobre essa questão com jornalistas do Globo, Estadão e Folha. Mas não deu detalhes.
    Outro senador que estaria envolvido nos contatos com a empresa é Sérgio Guerra, mas ele se nega a falar sobre o assunto.”
    O Conversa Afiada, na segunda-feira, perguntará ao senadores Álvaro Dias e Sérgio Guerra os termos da colaboração dos tucanos com a empresa americana para desestabilizar a Petrobrás e meter a mão no pré-sal.
    O Conversa Afiada convida os amigos navegantes a fazer o mesmo.
    O e-mail de Álvaro Dias é: alvarodias@senador.gov.br
    E o telefone de seu gabinete é: (61) 3303-4059/4060
    O e-mail de Sérgio Guerra é: sergio.guerra@senador.gov.br
    E o telefone de seu gabinte é:(61) 3303-2382/2383
    O Conversa Afiada pedirá ao presidente da CPI, senador João Pedro (PT-AM), que interpele os dois tucanos sobre esse ato que, se verdadeiro, seria uma forma de traição.

  15. PSDB agora vai defender o ´bolsa-esmola´
    publicada sábado, 29/08/2009 às 13:03 e atualizado sábado, 29/08/2009 às 14:11 | 4 Comentários

    Acordei tarde para o café da manhã. Sobre a mesa, além de umas broas de milho, havia o “Estadão” e “O Globo”. Desde que decidi cancelar a assinatura da “Folha”, após o episódio “ditabranda”, minha mulher vez por outra compra outros jornais. Acho que é uma campanha subliminar para que eu assine algum deles.

    Hoje, tentei ler os dois. Mas são insuportáveis. Dedicam-se neste sábado a duas tarefas: defender Uribe dos “ataques” de Chavez, e prorrogar o julgamento de Palocci no STF. Que eu saiba, o STF é a suprema corte. Decidiu, está decidido. Mas se a decisão contraria os interesses dos jornais, aí não vale.

    As broas de milho, essas eu agradeço. Com café preto bem forte, fazem minha manhã mais agradável. Mas “Estadão” e “O Globo” ninguém merece. São patéticos.

    Mais patética foi a notícia que eu encontrei no “Estadão, na página A-11: “PSDB quer abandonar crítica a projetos de Lula”.

    O jornal “informa” que os tucanos estão orientando as bases do partido a dar “visão positiva” dos programas sociais de Lula. O comando do PSDB não quer passar a “impressão” (impressão?) de que é contra Bolsa-Família, por exemplo.

    Tarefa inglória. A base social dos tucanos na classe média de São Paulo (mas também em BH, Rio, Porto Alegre, Curitiba) propaga pelas ruas e pela internet o discurso de que Lula – o “apedeuta” – só se reelegeu porque dá “esmola para os pobres”.

    Isso é o que pensam tucanos de coração. Eleitores de Serra, Alckmin, Gabeira, Aécio, Yeda…

    A Globo tentou ajudar. Fez matérias contra o BolsaFamília, contra as cotas, contra os quilombolas. Só que o discurso não colou.

    Agora, às vésperas da eleição, os tucanos resolveram mudar: “Bolsa-Família é legal, sim; a gente é que não tinha percebido”.

    Isso me lembra a foto do Alckmin, em 2006, vestido de “guerreiro defensor das estatais”. Para não passar a impressão (impressão?) de que ia privatizar tudo se ganhasse, Alckmin achou que podia renegar – com uma foto-a história privatista dos tucanos.

    Não deu. Tenho um amigo tucano que votou no Alckmin no primeiro turno. Depois daquela foto, ele cravou Lula no segundo turno: “o cara não tem coragem de defender nosso prgrama de privatizações, como vai governar o Brasil?”, dizia-me esse amigo.

    Em relação ao “Bolsa-Família”, a esquizofrenia será a mesma.

    Os tucanos estão desesperados. Acionaram os jornais para campanha contra Dilma. Acionaram a Globo contra Lula. Acionaram o Montenegro (do IBOPE) para previsões esdrúxulas dando conta da vitória inexorável de Serra.

    Só esqueceram de um detalhe: como acionar os eleitores?

    Que programa os tucanos têm a oferecer? Vão manter os programas de Lula? Então pra que votar na oposição?

    Eles não têm programa. E não têm militância. O PSDB abriu inscrições na internet para filiados que queiram se cadastrar, com objetivo de votar nas prévias do partido para 2010. Sabe quantos se cadastraram até agora? Mil pessoas. O partido tem (no papel) um milhão de filiados.

    A base social tucana é a classe média raivosa que acredita no “Estadão”, na “Folha”, em “O Globo” e no “Zero Hora”. Esses jornais terão tabalho pra convencer esse povo de que o “Bolsa-esmola” – como eles dizem – agora deve se defendido.

    Azar o deles. Coloco os jornais no lixo. E vou comer minhas broas de milho.

  16. Fonte: Portal Terra.

    Por irregularidades, MPF recomenda bloqueio de repasses ao Rodoanel
    O Ministério Público Federal (MPF) recomendou ao Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit) o bloqueio dos repasses de verbas federais para o trecho Sul do Rodoanel Mário Covas. A recomendação foi motivada por relatório do Tribunal de Contas da União (TCU) que aponta “irregularidades graves” na execução da principal obra viária do governo paulista. As informações são do jornal O Globo.
    Entre as irregularidades apontadas pelo TCU está o adiantamento de R$ 236 milhões (7,2% do contrato) por serviços não realizados e a execução de serviços não previstos no valor de R$ 244 milhões. Segundo o jornal, o MPF defende o bloqueio até o julgamento da obra pelo TCU.
    O MPF recomendou à empresa Desenvolvimento Rodoviário (Dersa), controlada pelo governo paulista, e ao consórcio de empreiteiras responsáveis pela obra que não celebrem novos contratos aditivos. Representantes de MPF, TCU, Dersa e Dnit se reuniram nesta quinta-feira.

  17. O dinheiro do bolsa-familia poderia ser investido em politicas sérias de agricultura familiar, irrigação e etc.
    Se o povo é trabalhador, dê à ele maneiras de trabalho e não a comida no boca todo mês.
    Veja o exemplo de Las Vegas, que foi erguida no meio do deserto e tantas outras cidades americanas que sobrevivem por seu próprio esforço e não penduradas em benesses governamentais.

  18. Engraçado, LULA e DEUS são iguais na sua visão, mas me explica, e os dolares na cueca ? Delubio ? Marcos valerrio ? Compra de 3 Aviões ( mais de 170 milhões de dolares, rpa quem reclamava que o outro viajava demais ?

    Vc deve ter cheirado MEIAS de jogador de futebol depois da partida…

  19. Ahhh o LULA é imparcial, os PETRALHASsão imparciais ?

    Acusam Sarney, Collor e agora vão lamber o saco deles…

    Que bosta

  20. Se você minimiza a pessoa por certo fator, e comete coisa pior, além de mentiroso vc passa a ser hipócrita.

    Muitas vezes esse é o papel do dono deste blog

  21. claro que registra, não seja ignorante. Não serve para nada, mas registra. Dê-se ao trabalho de acompanhar o fechamento de uma seção eleitoral e veja o B0 que fica afixado SEMPRE

  22. Bobagem, os valores do BF são muito pequenos perto de outros gastos do governo federal. Só olhar a rubrica juros (considerando o excessivo patamar dos juros nacionais).

    Sua argumentação com Las Vegas não tem pé nem cabeça, o que tem a ver uma coisa com outra?

  23. Que dólares de cuba? Ainda está em transe ideológico com isso?

    até a revista que você usa como base sabe que isso é uma mentira das mal lavadas, pena que alguns continuam repetindo essas asneiras

  24. O paulinho que me desculpe (ou não), mas não há contradição alguma nos 2 vídeos. Sei que é difícil parar para pensar, mas rogo que você e outros leitores prestem atenção e anotem quais os pontos que ele destrata no primeiro caso e no segundo.

  25. 3 aviões? Bom, um avião chamado “Sucatão 1” não me parece que estava em bom estado!

    Você queria que o presidente do Brasil viajasse em avião de carreira?

  26. Para ter agricultura familiar tem que ter terra fértil e chuva. Nesses lugares que eu disse não há isso.

    Programa de irrigação no sertão depende da transposição do Rio São Francisco, em que até padre aparece pra fazer críticas.

    O que foi feito em Las Vegas poderia ser feito no semi-árido nordestino, mas aí teria que mudar a legislação permitindo a exploração do jogo de azar. Quem dará a mão a tapa?

    Por fim eu queria saber se há alguém da Arena ou de outro partido de oposição, que porventura seja eleito presidente, que teria coragem de acabar com o Bolsa-Família. Assista, se tiver estômago, a propaganda eleitoral do ano que vem e vote naquele que dizer que vai acabar com o programa.

  27. A Marina é uma pessoa ímpar, mas está sendo usada. O problema é que depois de eleita tem de dar emprego pra toda uma nova corja.

    As ações individuais do Lula como presidente são irrepreensíveis. O que azeda são os larápios que ele nem sempre conhece e que é obrigado a colocar pra gerir a grana da população.

  28. Acho que ele não sabe que o Lula não pode ser candidato à presidência mais uma vez.

    O ano que vem é o último ano de mandato do Lula. A partir daí o país estará livre pra levantar voo em direção ao primeiro mundo.

    Até que enfim teremos educação de qualidade, hospitais de primeiro mundo em qualquer ponto do país. Haverá emprego pra todos com salários de burguês. Não precisaremos mais colocar grades nas janelas. Nossos filhos estarão longe das drogas. Enfim, vamos ter tudo aquilo que tínhamos e que nos foi tirado pelo Lula.

  29. Você duvidaria que seria diferente?

    O programa eleitoral do Serra virá com aquela ladainha de sempre de que ele foi o inventor dos genéricos, sem nunca ter sido. Que foi melhor ministro da Saúde que Oswaldo Cruz.

    Que o Lula cobra muito imposto, sendo que o Lula reduziu alíquotas de IPI por conta da crise e ele não reduziu as de ICMS. Pelo contrário, ainda foi de cuia na mão pra Brasília saber como o Lula compensaria a queda de arrecadação da parte que caberia ao Estado de São Paulo.

    O Serra é o político mais miguelão do país. O Usurpador está fazendo das tripas coração pra arrumar dinheiro pra reforma do panetone e ele faz de conta que não é nada com ele.

  30. Thiago,
    Só para deixar bem claro meu ponto de vista, não considero crime alguém ser petista como você é. O que não admito é “petralhismo”, ou seja, o sujeito que a qualquer denúcia contra o Lula ou o PT vem falar do FHC ou da dupla PSDB/DEM só para desviar o foco.
    Quando as critícas forem voltadas para outros políticos e outros partidos, você não vai me ver dizendo: “fala também do Lula ou do PT”, você vai me ver debatendo o assunto sem tentar desviar o foco ou relativizar crimes só porque foi alguém do meu partido de preferência que cometeu. Isso é bem diferente do que petralhar.

  31. Oi Paulinho. Sou formado em psicologia, e há um ano e pouco trabalho (concursado) na Secretaria de Assistência Social de um município que faz divisa com São Paulo. Uma das minhas atribuições (na função psicólogo social) é gerenciar os cadastros do Bolsa Família, assim como cestas básicas disponibilizadas pela prefeitura. Desde que iniciei venho refletindo sobre essa questão da manipulação da massa com benefícios sociais, ao mesmo tempo em que, de fato há uma condição sub humana de vida que é responsabiladade do conjunto social e que requer intervenção.

    A questão é que o Bolsa Família, ou a cesta básica, podem ser concedidos de maneiras muito distintas. Se são concedidas por um servidor que ao mesmo tempo é ligado a um partido, tem aspirações eleitorais, a tendência é que ele associe o benefício social à sua boa vontade, ao seu poder de fazer o bem e conceder desejos. Os que além de interesses eleitorais tem interesse por transgredir a lei, poderão encontrar nos benefícios sociais mais um lugar para concedê-los por influência e não por critérios técnicos, ou mesmo para desvios.

    Por outro lado, considere a importância de uma determinada repartição pública que realiza inscrições para programas sociais, com profissionais concursados, sem interesse partidário ou de troca de favores, orientados pelas teorias sociais e psíquicas, pelas estatísticas e o que for, apresentando os programas sociais no contexto da desigualdade de classes, da opressão sob diferentes formas ao longo da história, até a forma da mais-valia e das fromações ideológicas. O conjunto de programas sociais (há outros menores além do Bolsa Família que potencializam os objetivos) é uma forma de reparar uma violência social. Portanto agradecimentos são recusados nessa repartição. Não se deve agradecer ao funcionário que preencheu o cadastro do programa social, esse funcionário tem que recusar a face, com um psicanalista, recusar o agradeciemento, e no lugar disso remeter às formas de poder coletivo, ao menos a crítica social se uma ação for limitada.

    A questão é que é necessário dar cestas báscias à população. Muitas. A uma parte dela. A fome existe muito perto do centro rico de são paulo. E não é por vagabundagem, preguiça, ou malandragem que pessoas passam um dia inteiro sem ter o que comer. Come nos outros dois, mas daí fica mais um sem comer. É assim que a fome existe para muitos. Se conseguiu um “bico”, come. Se o dinheiro acabar antes de achar outro “bico”, pode ficar um período sem nada. A produção de riquezas hoje em dia é tamanha, que não se deveria permitir que um cidadão ficasse ao menos sem arroz e feijão. A um dado perfil social deveria ser permanentemente gratúito alguns alimentos básicos. Porque a concentração de renda não é apenas conta de um mérito de sujeitos, há também contabilizada uma relação de dominação, de poder, mesmo que ninguém possa ser responsabilizado individualmente.

    Então, concluo dizendo que a edição dos dois momentos do nosso presidente não mostra uma contradição. O que Lula disse no passado continua valendo em relação ao Bolsa Família. A questão, desde de sempre, é o modo como se orienta a gestão, no caso, dos municípios, que são quem executa o programa. Com a implementação das políticas do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), a gestão da Assistência Social está sendo obrigada a desarticular-se dos interesses dos políticos do momento para funcionar em bases técnicas de risco social.

    Não concordo com a tática de “guerrilha” de subornar deputados e senadores para aprovar projetos, sejam bons ou ruins para a população. O “Eu não sabia” é um remendo qualquer para aqueles que precisam continuar acreditando, valendo como uma espécie de fé.

    Muitas outras críticas podem ser feitas.

    Mas há que se destacar que o conjunto de programas sociais e a nova política da Assistência Social são conquistas importantes. Este reparador da desigualdade de distribuição de riquezas faz uma diferença significativa na vida de muita gente.

    Imagine com seria para você, que aqui está lendo, sobreviver com R$ 140,00 por mês, para tudo que tiver que fazer. Como iria emancipar sua condição de vida?

  32. Ele pode não ter sido o inventor dos genéricos. Mas que foi um dos melhores ministros da saúde da história brasileira, ele foi!

    É preciso muita coragem, muito peito, muita capacidade política, para quebrar patentes de drogas essenciais para o tratamento de doenças como a AIDS.

    Serra deixou um legado para a saúde brasileira. Tente reconhecer isso!

    Ele pode ter muitos defetos, mas foi um ótimo ministro da saúde.

  33. Vamos ver se não vão utilizar do terrorismo de “se o PT não for eleito irão acabar com o bolsa-família e você vai voltar a passar fome” nessas eleições.

    Se não fizerem isso, concordo contigo.
    Se fizerem, não passa de compra de votos. Pelo estômago, como bem disse o molusco.

    Lembre-se, fizeram isso em 2006.

  34. A questão da transposição é muitíssimo mais complexa que isso, e não dá para comparar o semi-árido nordestino com o deserto de Nevada só com base no fato de serem secos. Você poderia falar da irrigação israelense, muito mais perto do caso nacional.

    Não apenas padre faz críticas, mas o maior geógrafo vivo brasileiro também. Logo, há que se olhar com mais cautela a situação.

    Por que alguém acabaria com o programa? Você pode afirmar que é prejudicial ao país, e que alguém que o fizesse estaria, mesmo que remando contra a corrente pública, buscando efetivamente o bem da coletividade?

  35. Caro Rafael, querendo ou não, política se faz também por comparação. Ou senão, a análise não é isenta.

    Não é esse o sentido consagrado do uso de “petralhas”, feito pelo RA.

    Em todos meus comentários, eu nunca fiz uma menção elogiosa ao PT ou ao Lula. Contra-argumentar as “denúncias” e opiniões não significa defender o outro lado. Significa, no máximo, questionar a base das reclamações. Tentar mostrar que as racionalizações feitas não passam, em sua maioria, de sofismas; e que se pautam quase exclusivamente em sofismas e hipocrisias.

    Não devemos ir atrás de imparcialidade, e sim de críticas honestas.

  36. Imagine só se o alckmin ou o serra se elegem. O atraso paulista dos últimos 16 anos reproduzidos em nível nacional

  37. SAFADO, LADRÃO, CÚMPLICE, FALSO, ENGANADOR E MAIS “N” ADJETIVOS ELOGIOSOS QUE SE ENCAIXAM AO “CHEFE”.
    ESSE SR., QUE TANTO SE DIZIA DEFENSOR DO TRABALHADOR, DIFERENCIADO E ETC, PROVOU QUE É MAIS UM DEJETO BOIANDO NA LATRINA IMUNDA QUE É O BRASIL.
    E O POVO APLAUDE, E O POVO APOIA, E O POVO CONTINUA VOTANDO, E O POVO CONTINUA SENTANDO. E VAI SENTAR PRA SEMRE, PQ A FALTA DE CULTURA (COMEÇANDO PELO “CHEFE” DA NAÇÃO) ASSOLA ESTE LARGO PEDAÇO DE TERRA CHAMADO BRASIL.
    O CONFORMISMO, O INDIVIDUALISMO, O “GERSISMO” (POBRE GÉRSON), A MALANDRAGEM IMBECIL E O DESCASO COM O PRÓXIMO, IMPERAM NESTE PAÍS RICO, MAS AO MESMO TEMPO MISERÁVEL.
    SEMPRE COERENTE E CABÍVEL, O TRECHO DAQUELA BATIDA PIADA:
    “…MAS VC VAI VER O POVINHO QE EU VOU METER LÁ…”.

  38. Não existe quebra de patentes coisa alguma. Há o licenciamento compulsório, aprovado na OMC (ou seja, pela diplomacia). Contudo, a lei nacional para licenciamento de fármacos é de 1996…

  39. Não confunda personalismo com atuação de estado. Podem parecer semelhantes, mas são completamente distintas.

  40. Oww Zé Tonto

    Eu trabalhei em 3 eleições e não foi a serviço de partido nenhum, 2x como mesario e 1 como suplente, então não vem falar merda.

  41. A politica deveria ser feita com ATOS HONESTOS e não ATOS SECRETOS..

    Entendeu ou quer que eu desenhe ?

  42. Tem razão Thiago, Brasilia foi bem adiantada…

    Mais de 800 atos secretos
    Dolares na cueca
    Quebra de sigilo bancario de um jardineiro..

    É tanta bosta que eu nem quero mais relacionar.

  43. O espaço aqui é insuficiente pra mostrar tudo, teria que disponibilizar um blog inteiro pra isso

  44. Thiago, lembra do terrorismo que o sem-dedo fez quando houve o plebiscito sobre o Parlamentarismo ?

    Meteram medo porque sabiam que era mais facil caçar alguem no novo modelo de governo, e pra desmontar todos os esquemas seria mais complicado.

  45. Eu disse: “Se o povo é trabalhador, dê à ele maneiras de trabalho e não a comida na boca todo mês.”

    Se o exemplo de Las Vegas não serve, que se busque outras alternativas. Eu citei Nevada não por causa da jogatina, mas pela dificuldade de uma região tão inóspita quanto o sertão brasileiro (guardadas as devidas proporções). Essa é a minha argumentação, Thiago.
    Basta dar uma pesquisada e teremos inúmeros projetos que deram certo em diversos lugares do mundo. Oque não pode é esse paternalismo eterno, até porque sempre existe a tendência do aumento dos necessitados.

  46. Cabe à oposição dizer honestamente o que faria com o Bolsa Família e outros programas caso assuma o poder. Porque se continuar dizendo que é esmola para vagabundo, aí não será necessário fazer nenhum terrorismo por parte dos propagandistas do PT, a própria posição da oposição já é terrorista nesse ponto.

    Realmente tenho ficado muito impressionado com o número de pessoas que pensam, de fato, que a pobreza é efeito de preguiça, vagabundagem e mal caratismo.

  47. Oi Paulinho,

    Acho legal seu blog estar cada vez mais propondo discussões políticas.

    O exemplo que dei, no fim do post longo acima, bem poderia virar um jogo de sensibilização sobre o que é viver na pobreza, e as estratégias que se apresentam. Não tem aqueles jogos de vida real? Deveria ter um sobre a pobreza, e não só de um personagem da elite, que vai à festas e tudo.

    O personagem começa com R$ 140,00 por mês (renda per capita familiar limite para poder entrar no Bolsa Família, correspondendo à faixa de pobreza), para tudo o que tiver que fazer, comer, vestir, morar. água, luz, ônibus, remédio, camisinha, cigarro, uma cerveja no jogo de domingo… No nível dois de dificuldade, ele começa com R$ 70,00 por mês (faixa de extrema pobreza, que recebe um pouco mais do Bolsa Família). Digamos que seja um homem jovem, com estudo até a 6ª série, para não dificultar de mais o jogo (se fosse mulher, com filhos, com mais idade, mesmos escolaridade, alguma doença…). Deve ter leitor que não acredita que existem situações assim de vida. Pois existe uma massa nessa condição. Passo seis horas por dia, cinco dias por semana, atendendo casos como esse.

    Será que algum leitor do Blog teria coragem de arriscar uma alternativa de emancipação para esse sujeito? O que faria? Não vale ficar preguiço, vagabundo e não pensar em nenhuma alternativa.

    O que você faria, Paulinho?

  48. Parece que o Paulinho esta se candidatando ao cargo de Ministro de Esportes num futuro governo, sem meu voto é óbvio, demo-tucano.
    Mas está perdendo seu tempo e energia à toa, porque nem mil blogs, nem a imprensa golpista e nem 500 Marinas, obterão exito em sua campanha para desestabilizar a ministra Dilma, que será a proxima presidente do Brasil, queiram ou não queiram os privatistas a serviço de Tio Sam e a mídia golpista.

  49. Po, deixe de ser burro, esses 800 atos secretos agora denunciados aconteceram desde 1994.

    Não culpe o governo federal por não fazer chover.

  50. Qual sua discussão aqui? Não existe quebra de patentes, há o procedimento do licenciamento compulsório, são coisas muito diferentes. Vá fazer uma prova do IRBr e escreva “quebra de patentes” para ver se é aprovado

  51. haha, quem teve amnésia nesse caso foi a Veja, que tentou criar isso, e fora alguns perdidos, ninguém comprou.

  52. Claro Osvaldo, apenas o Lula é presidencialista no Brasil, o modelo perfeito é o parlamentarismo.

  53. Incrivel como vc é lerdo para pensar e burro pra entender, não é a toa que gosta do SEM DEDO.

  54. Incrivel como o povo não consegue enxergar o que é uma medida eleitoreira. Se ele estivesse realmente procupado com a população não deixaria que cúmplices seus desviassem tanto dinheiro público que deveria ser investido em melhorias pro mesmo povo que recebe esmola com um nome bonito: “Renda Família”.
    O Sarney tb recebe o bolsa família? Haja cueca.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: