Advertisements

Ficou no ar

 

O blog parabenizou o Ministro Joaquim Barbosa pela coragem de afrontar um dos ícones do que há de pior no judiciário nacional.

Suas palavras, embora duras, representaram exatamente o que pensa a grande maioria do povo brasileiro.

Mas uma afirmação ficou no ar, e o Ministro Joaquim tem a obrigação de esclarecer para os mesmos que o parabenizaram.

Quando um Ministro do Supremo acusa outro de ter “capangas” este assunto não pode ser esquecido.

Afinal, o Ministro Gilmar Mendes utiliza-se desta “mão de obra” informal ?

Por quê ?

Eis a questão.

Aguardamos pela resposta de quem, corajosamente, fez a denúncia.

Que se não quiser fazê-lo oficialmente pode utilizar-se de meu contato para contar o que sabe.

Terei prazer em investigar.

paulinhonet@terra.com.br

Facebook Comments
Advertisements

51 comentários sobre “Ficou no ar

  1. Luiz/Ctba

    Paulinho: Tomara que o Ministro prove suas “denuncia” para não ficar como “verdade absoluta” as palavras ditas num momento de desequilibrio. Aliás, se for verdade, deverá entrar com um processo de cassação do Ministro Gilmar ou ter vergonha na cara e pedir desculpas públicas.

  2. Augusto

    hahahahaha…o paulinho quer ensinar um ministro de estado a trabalhar. fico imaginando o ministro mandando e-mail para você…você é muito corajoso, hein…

  3. ademar joaquim

    Paulinho,

    não satisfeito em incomodar os ladrões pés-de-chinelos, os partidos maiores, os corruptos de todas as esferas, agora vais atacar o advogado – Mendes – da máfia!!!

    Abraços e orgulho de frequentar este blog.

    Feliz timão 2009

  4. andre

    A revista Carta Capital já fez uma matéria sobre o poder exercido por Gilmar Mendes e família na cidade de Diamantino, em MG. Vale a pena ler.

  5. Rafael Costa

    Se ele realmente sabe que o Gilmar Mendes comete irregularidades e ainda não o denunciou isso chama-se prevaricação.

  6. Tricolor

    Apesar de não ter conhecimento desses “capangas”, sei que o ministro Gilmar “Dantas” é latifundiário no Mato Grosso, e é também, terminantemente contra o MST. Logo, não duvido nada da existência desses capangas.
    Lamentável.

    Mas, independente de qualquer coisa, se o Gilmar Mendes fosse um homem sério, deveria se afastar da presidência do Supremo.

  7. Alviverde/SP

    Só se espera que não sejam apenas “palavras jogadas ao vento”…apenas denunciar, desabafar, não basta…tem-se que acabar DE VEZ com a BANDALHEIRA reinante em nosso País. Uma tarefa que hoje se mostra INGLÓRIA, infelizmente…

  8. wandeilsonsousa

    posso não entender muito
    mas acho gilmar mendes um dissimulado,como quase todos os políticos brasileiros,
    mas há algo a mais na personalidade desse cara!
    ele parece ser o “rei do crime” de
    Diamantino-mg.
    E acho que ele sabe sim das irregularidades cometidas por gilmar mendes, mas não denuncia porque a maioria esmagadora dos politicos brasileiros têm o “rabo preso”

  9. Luís Carlos

    Se não me engano, a revista “Carta Capital” publicou uma matéria mais ou menos acerca disso.

  10. Alexandre

    Daria dó do J. Barbosa, se o asco não viesse antes.
    Já brigou com Marco Aurélio, M. Corrêa, Eros Grau, gilmar mendes é só mais um da lista.
    É um ministro fraco e destemperado (tanto que já bateu na ex-mulher – há BO comprovando).
    É uma vergonha para o nosso Judiciário.
    E se sabe q o Gilmar Mendes tem “capangas” está prevaricando por não o denunciar e exigir seu impedimento. Se falou besteira, só comprova o que já disse acima…
    E o pior é ter de aguentá-lo até 2024…

  11. Luiz/Ctba

    Rafael: Compartilho integralmente sua opinião, se o Ministro sabe de irregularidades, coisas grosseiras como “capangas no M. Grosso” ( para que serve um capanga?) deveria fazer denúncias juridicas e não bravatas. Eu pouco sei, apesar de ler diáriamente em vários orgãos os noticiários, mas me parece, em princípio, que a mídia ataca o Ministro Mendes, pricipalmente pelo caso Protógenes, o qual deu uma de “justiceiro”, infringiu leis e possívelmente será punido. Muita gente escreve o que não sabe, emite opiniões absurdas, tipo “maria vai com as outras”. Eu penso assim: Se qualquer ministro, político, presidente, deve ser punido, cassado,cadeia, etc, se cometer atos corruptos, mas também acho que jornalistas e cidadões também devem ser punidos por emitirem conceitos errados sobre pessoas. Não entendo como um leigo, como eu, pode chamar um Ministro de Estado, chefe de um dos Poderes da República, de canalha e outros impropérios. Respeito com as pessoas até o julgamento final. Um abraço.

  12. Marco

    Qualquer morador de Diamantino conhece os capangas do Mendes. Aliás esse Mendes é “herança” de FHC. Só podia ser, né?

  13. Alexandre Cereja

    O Min. Joaquim Barbosa se excedeu e na minha opinião errou.
    Não era o momento para a “briga” particular deles. Era uma sessão do STF e que foi interrompida porque um Ministro sem nenhuma razão queria discutir matérias que já tinham sido discutidas em dia em que ele não se encontrava presente.
    Muitos foram prejudicados com o encerramento já que todas as demais matérias ficaram suspensas e a pauta agora terá que ser redistribuída.
    Se o Ministro Joaquim Barbosa tem denúncias ou simplesmente opiniões contra qualquer outro membro da corte suprema, não é em plenário que deve colocá-las. o Plenário da Corte serve para a discussão dos casos em julgamento no STF e não para resolver problemas particulares dos Ministros.
    Se o Min. Gilmar utiliza a imprensa, o Min. Joaquim tb deve fazer esse uso. Ele se excede com muita facilidade e não teve nem a decência de pedir desculpas para os demais ministros que tentavam argumentar e ele cortava com voz mais que exaltada.
    Por mais razão que tivesse em não concordar com atitudes do min. Gilmar (e nesse ponto eu concordo com ele), ali não era a hora de se posicionar. Foi antiético e nem um pouco profissional.

  14. Guilherme

    Paulinho, desculpa mas essa história de capanga só ficou no ar para você. A Carta Capital já falou sobre isso milhões de vezes e a dita grande imprensa nunca repercutiu, como faz com todas as denuncias falsas da Veja. Curioso não acha?

  15. Leao

    estamos muito bem representado no STF. De um lado o coronelzão Gilmar Mendes que adora sair na revista caras. Do outro nosso herói JB e seus constantes chiliques. Como eu gosto de herói real achei um comentátio sobre a nomeação deste grande jurista. Não sei se é fidedigno, mas procurarei saber. Segue o texto:

    “Vejam como Joaquim Barbosa foi nomeado (segundo artigo de Helio Fernandes, na Tribuna da Imprensa) Está no livro de Frei Betto, textual, e o ministro não contestou, publicamente, como foi publicado no livro que ninguém leu. Frei Betto, assessor importante de Lula, ficou revoltado de não sair dessa condição de assessor, conversou sobre o assunto com o presidente Lula. Como o presidente Lula ouviu mas não tomou providências, depois de algum tempo, pediu demissão. E escreveu o livro. Conta histórias que não deveria contar, mas o critério, a decisão, e os direitos autorais pertenciam a ele, só ele poderia ser o promotor e o juiz da sentença de publicar. Textual no livro: “Uma vez o presidente Lula me pediu que “arranjasse” (a palavra exata) um negro que pretendia indicar para ministro do Supremo. Um dia, no aeroporto, me apresentaram a um negro advogado, perguntei a ele se queria ser ministro do Supremo”. Conhecendo o país onde nasceu e vive, Joaquim Barbosa, sem saber quem era Frei Betto, ficou indignado. Revoltado, disse que não admitia ser gozado dessa maneira. Frei Betto mostrou a carteira de assessor do Planalto e do presidente, acalmou o advogado, respondeu: “É verdade, o presidente quer nomear um negro para o Supremo, vou indicar você”. Não estão em dúvida as credenciais de Joaquim Barbosa, o seu possível e exigido “notável saber jurídico e ilibada reputação”, pois nada foi examinado. Joaquim Barbosa viajou para o destino inicial já garantido como ministro do Supremo.”

  16. murilo

    Puxa vida Paulinho, em vez da população ficar chocada e curiosa para saber o que de fato bem acontecendo naquela casa, pelos comentários do seu blog, vivemos em um país de ignorantes e racistas mesmo. Infelizmente o povo tem o governo que merece. Depois você fica preocupado com as ações do Andrés…se o seu time for campeão todos vão falar que é isso mesmo, o que interessa é ganhar, não importa como. Eu fico muito preocupado com estas posições. E oba-oba pelo título Paulista vai ser grande, com Ronaldo na selação, Mano o melhor técnico do mundo e o Andrés o mais inteligente, afinla ele ganhou do SP…ridículo esse povinho…como diz o famoso Instanislaw Ponte Preta, é o famoso FEBEAPÁ brasileiro….continue assim…se tiver oportunidade vai para cima do Marco Aurélio de Mello…
    abraço

  17. Pedro Migão

    Paulinho, saiu uma matéria na Carta Capital explicitando estas ligações do Gilmar Mendes em MT. Recomendo a leitura.

  18. maurizio

    “Leao Disse:
    Abril 24, 2009 às 8:33 am | Responder

    É por isso que eu sou visceralmente contra cotas raciais.”

    E eu sou contra a inclusão digital…..Ter que ler esse comentário medíocre….

  19. geraldo c araujo

    Num país onde o uso de metáforas pontua os pronunciamentos do primeiro magistrado, nada mais natural do que o juiz Joaquim Barbosa utilizar uma delas uma delas para atacar o colega; ao utlizar a expressão “capangas” ele deve ter-se referido aos colegas que sistematicamente se põem ao lado do presidente daquela corte e tentariam a seguir solidarizar-se com o Dr Gilmar através da emissão de um documento de “desagravo” ao colega supostamente ofendido. Como, por sinal, já fizeram em outras oportunidades. Só que, desta vez, foram impedidos pela oposição de outros membros do STF, que, no caso, poderiam passar por “capangas” do Dr. Joaquim.. Mas, no fundo, no fundo, é tudo a mesma corja.

  20. Jones 8-1-1

    Vai demorar muuuuuuuuuuuito para a Justiça nesse país ser coisa séria.

    Primeiro porque quem elabora as leis são os deputados que fazem o que querem e não são cobrados/fiscalizados por ninguém, segundo porque o investimento na Justiça é mal distribuido, salários astronômicos para poucos ao invés de um salário justo para muitos, terceiro porque a desburocratização/digitalização (fim de papeladas, videoconferências etc) do sistema andará a passos de tartarugas uma vez que não interessa aos poderosos (corruptos em geral) uma Justiça dinâmica!

  21. Jones 8-1-1

    Ah, esqueci do pior, por último ainda temos que aturar os Direitos Humanos e a OAB que só defendem bandidos, é claro, com um óbvio interesse de que as leis continuem ridículas uma vez que PCC e CV são ótimos clientes, bons pagadores.

  22. Demócrito de Abdera

    Respondam os defensores do ministro JB: Porque os outros ministros nomeados pelo Lula, ficaram do lado do Gilmar Mendes?
    Leitura, estudo, análise isenta : – isso é fundamental, pessoal!
    Tomem tento, apedeutas….

  23. leo

    basta vc postar algo referente a política e vejo brotar o lado facistóide de algum de seus leitores.como disse o juca para a maureen maggi este dia numa entrevista:a internet é uma ferramente genial mas também é um antro.

    o rapaz chamado pedro aí disse sobre a carta capital. existe mais de uma matéria a respeito nesta conceituada revista, que vem mostrando as mazelas do GM há tempos.

    como não interessa a ninguém por ir conta interesses maiorais, nada´que é publicado na carta capital, vira notícia da globo ou de tantas mídias “lugar-comum”de certas elites.

  24. LULA

    E ainda há celerados postando que Joaquim Barbosa não possui notório saber jurídico. Só o doutorado do Ministro na França Joaquim durou quatro anos.

  25. Luiz/Ctba

    Paulinho: Vc. é fera, agora além de “jornalista” esportivo e politico, se oferece para ser “jornalista” investigativo, que a CIA, KGB, S. YARD, SNI, que se cuidem,,,,,,,, Um abraço.

  26. Max Christian Frauendorf

    Surpreendente o número de apoiadores do boquirroto gilmar. Mais surpeendente ainda o número daqueles que papagueiam bovinamente o discurso da grande imprensa,limitando o episódo a um mero “bate-boca”, no qual o o Ministro Joaquim Barbosa é pintado como “destemperado” enquanto o boquirroto “ganhou notoriedade por se manifestar publicamente sobre temas jurídicos e políticos do país” (FSP). Compromete a imagem do STF, expõe ao nível de conversa de botequim a sobriedade que todo juiz deve ter. Ameaça truculentamente os juízes de primeira instância. Comporta-se como coronelzinho na mais alta corte do país.Destrata os demais ministros quando estes discordam dos encaminhamentos. Só está lá devido aos conchavos políticos , aliás como quase todos os demais.
    É sempre assim: os que levantam a voz expondo radicalmente os absurdos e escândalos, são visto como “desequilibrados” e “agressivos”, que “perderam a cabeça” diante numa “discussão técnica” !
    Todo apoio ao Ministro Joaquim Barbosa !
    Isto só vai ter fim quando varrermos o Judiciário desse conservadorismo arcaico que domina as altas instituições do país.Há motivos mais do que suficientes para a destituição do ministrinho-chefe. Fora gilmar !

  27. Leao

    E pensar que o STF já teve Hemenergildo Barros e Pedro Lessa sem nenhum recalque. A liturgia do cargo precisa ser preservada, independente de quem o estiver ocupando. Se alguém não é capaz de entender as funções intrinsicas do cargo então este alguém não entende do cargo. Alguém já viu médico discursar sobre o caráter do paciente antes de uma operação?

  28. Max Christian Frauendorf

    CARO MAURìZIO
    O comentário do tal leão não é apenas medíocre, mas vem carregado de preconceito típico do racismo brasileiro. Se ele é ou não racista, é algo que não podemos afirmar, mas que tem toda bossa de ser, ah isso tem! Pois sugere sutilmente que a política de cotas pode ser responsável por alçar pessoas incapazes para cargos importantes.
    Então é bom que se saiba que a política de quotas vem dando excelentes resultados em todos os lugares aonde tem sido implementadas, seja pelo acesso que vem possibilitando, seja pelos resultados dos cotistas, cujos desempenhos quando não são iguais, superam os do não cotistas.
    É bom que se saiba também que as qualidades e os defeitos do Ministro Joaquim Barbosa são frutos exclusivos de sua própria personalidade e nada tem a ver com a cor de sua pele.
    Que a sua indicação tenha levado em conta a questão racial é algo notório e público, já que faz parte do programa político do governo Lula. Mas daí a simplificar a escolha do Ministro como exclusiva de sua condição racial vai uma distância enorme.Ninguém chega ao Supremo sem o profundo conhecimento jurídico. Por indicações políticas certamente, mas nunca sem o notório conhecimento do Direito.
    O problema é que a chegada do negro aos mais altos cargos da nação incomoda, incomoda profundamente. E quanto mais independente e insubmisso for a sua atuação, mais se ouvirão “explicações” que navegam pelo oceano dissimulado do racismo brasileiro.Sempre sutis, sempre presentes. Mas sempre combatidos.

  29. Leao

    Quando você for operar do coração procure um médico que entrou pelo sistema de cotas. Simples assim.

  30. Leao

    A cor nunca me interessou. Interesso-me pela meritocracia. Sinto nojo de castas. Sejam elas ricas ou pobres. Julgo pelos atos e posturas, não pela imposição social do pobre coitado. Respeito as idéias, mas não sigo a manada. Atrás de cores e tribos encontram-se corajosos querendo unicamente a grana do contribuinte. Que lado você está do balcão?

  31. Max Christian Frauendorf

    Caro Demócrito.
    Ainda que a grande imprensa queira vender essa imagem de alinhamento dos demais ministros, sejam nomeados ou não por Lula, em apoio ao gilmar, isto está longe da verdade. Alguns deles solicitaram uma censusra pública ao Ministro Joaquim Barbosa, o que foi recusado, resultando naquela nota insosa de defesa da instituição. O que por si só reflete a divisão entre os ministros e sugere que há muito mais do que água , rolando embaixo desta ponte.
    Ora se o que foi verbalizado pelo Ministro JB fosse apenas resultado do seu destempero, desequilíbrio ou quaisquer outros defeitos que lhe atribuam, teria sido muito fácil emitir a censura pública. Mas não o foi. É notório o comportamento autoritário de gilmar para com seus pares, em diferentes graus e diferentes contextos. Sempre permeados claro pelo (falso) discurso da cordialidade entre juristas.Além disto o comportamento midiático de gilmar desagrada a muitos ministros, mas os “salamaleques conservadores” e o medo de uma crise no judiciário os impedem de falar abertamente. Na verdade, o que está por trás deste episódio que a grande imprensa quer diminuir a um bate boca entre o “destemperado” e o “midiático”, é a profunda crise que corroe o poder judiciário nacional, cada vez mais desacreditado junto à população. Não vejo particularmente muito mérito em expressar-se nos termos que o Ministro Joquim Barbosa o fez, mas isto é o menos importante. Não é porque afirmou “deselegantemente” que o gilmar tem capangas que o Supremo se desgasta. É por emitir habeas corpus instantâneos aos poderosos de plantão, enquanto milhares de outros cidadãos não o obtêm, que o STF se desmoraliza.Isto para ficar num só exemplo. No fundo é esta a questão que a grande imprensa evita. Com o fantasma do populismo ressucitado, o Congresso tomado pelo bando de áulicos e corruptos e os militares apolíticos, sobrou apenas o Judiciário, tábua de salvação do neo-lacerdismo.Não é à toa que os espasmos fascistóides do coronelzinho do supremo “sensiblize” a tantos. Fora gilmar !

  32. Demócrito de Abdera

    Leão, seus comentários das 6:10 e 6:13 foram demolidores.
    Parabéns pela lucidez. Permita-me, modestamente, citar um trecho de Pe. Antonio Vieira, no “Sermão da Sexagésima”;
    “O rústico, porque é ignorante, vê que o céu é azul.
    Mas o filósofo, porque é sábio, e sabe diferenciar o real do aparente,
    sabe que aquilo que parece azul, não é azul, e nem é céu.”

  33. Max Christian Frauendorf

    leão
    Existem centenas de médicos formados dentro do seu conceito de “meritocracia” que são verdadeiros açougueiros. Aliás recentemente em Londrina mesmo, tivemos uma alegre turma de formandos meritocráticos, comemorando o fim do curso no bar em frente ao HU, entrando posteriormente no PS com garrafas de bebidas alcoólicas, rojões e apitos.
    O tal conceito de “meritocracia”, praticado no país que foi o último no mundo a abolir a escravidão,é vazio e só serve para encobrir o apartheid educacional brasileiro. Não teria problema algum em ser operado por um médico formado pelas cotas,até porque quando procuro um médico,preocupo-me com referências,citações, carreira, etc, e não se o diploma dele tem ou não o carimbo de cota.
    Se você julga por atos e posturas, não deveria ter associado a indicação do Ministro Joaquim Barbosa , como algo decorrente da política de cotas, como se a única condição que pesasse em sua indicação fosse a cor da sua pele.
    Meritocracia ????
    Ora se acreditas realmante nisto, você talvez pense que a ausência de negros nas cortes supremas do brasil em cerca de 200 anos de existência se explique pelo “mérito” insuficiente deles.
    E a ausência dos negros nos principais cargos institucionais do país, nas diretorias das escolas, nas empresas privadas, nas universidades públicas, etc,etc, talvez seja explicada pela falta da tal “meritocracia” ???
    Há nas inúmeras experiências em andamento no Brasil, números que atestam desempenho de alunos cotistas tão bons ou melhores do que os não cotistas.
    Se você não gosta do Ministro Joaquim Barbosa, por suas atitudes ou gestos, por favor procure outro argumento para criticá-lo que não as cotas.

  34. Demócrito de Abdera

    Sr. Max CHristian, o senhor também é um adepto do chamado “direito achado na rua”, tão em voga na UnB?
    É só uma dúvida minha….

  35. Juiz

    Quando o Gilmar disse que foi grampeado vc não pediu pra ele provar né?
    Tanto que o audio até hj não apareceu.
    Bela imparcialidade.

  36. CARLOS

    Vou ver se consigo uma passagem aérea grátis do Congresso, e vou embora do pais, estou cansado de ouvir?
    “Vossa Excelência me respeite!” “Vossa Excelência me respeite!” “Vossa Excelência me respeite!” “Vossa Excelência me respeite!” “Vossa Excelência me respeite!” “Vossa Excelência me respeite!” “Vossa Excelência me respeite!”

  37. daniel rodrigues

    paulinho.,
    isso me dá desespero !!!!!
    um jornalista inteligente e antenado como vc parece não acompanhar o mais serio (ou o unico serio) grande meio d comunicação escrito que existe no brasil. vira e mexe pauta o debate com a triste e decadente folha d são paulo e nao sabe ou não entendeu a clara e explicita ironia do sr. ministro tao noticiada pela carta capital?
    estranho……..
    abraço paulinho!!!!!!!!1

    Paulinho: Desespero é você não perceber que leio a Carta Capital, tenho conhecimento do assunto, mas mesmo assim quero que o Ministro nos conte o que sabe.

  38. Mrica

    Paulinho, para com isso,ta se achando, o dono da verdade, o senhor acima do bem e do mal,para cara,se restrinja as questiunculas do futebol e principalmente ao timão que são areas que vc entende, o resto deixa pra quem conhece.Daqui a pouco vc vai quere dar pitacos na politica do Obama,para por ai.

  39. Demócrito de Abdera

    É isso aí Mrica…
    A gente vem aqui para ler sobre futebol (e suas safadezas).
    Quando quero ler sobre política, vou no blog do Josias de Souza, e no blog do Reinaldo Azevedo.
    Se isso aqui vai virar blog político, estou de saída……

  40. geraldo lina

    Leao Disse:

    Abril 24, 2009 às 6:13 pm | Responder
    A cor nunca me interessou. Interesso-me pela meritocracia. Sinto nojo de castas. Sejam elas ricas ou pobres. Julgo pelos atos e posturas, não pela imposição social do pobre coitado. Respeito as idéias, mas não sigo a manada. Atrás de cores e tribos encontram-se corajosos querendo unicamente a grana do contribuinte. Que lado você está do balcão?

    ***(*) ******(*)

    CLAP CLAP CLAP

    MEU DEUS, PENSAR QUE UM DIA EU TERIA QUE CONCORDAR COM ESSE INFELICE…

  41. Leao

    Quem não tem o que falar ataca pessoas e não idéias. Quem não tem o que pensar esconde-se no coletivo nunca nas próprias palavras. Corintiano racista deve ser o supra-sumo da imbecilidade. A cor nunca me importou. Toda vez que você chama uma pessoa de mediocre ela se esconde na pecha de racismo e que tais. Um mediocre é mediocre em todas as matizes. Sempre fui e serei pela meritocracia. Sou do tempo em que a escola pública não era sucateada e as condições de disputa nas universidades era pau a pau. A base te dava oportunidade de luta mais tarde. O desgovernos que vieram sucatearam a escola pública e criou pessoas incapazes de concorrer com aqueles que foram para a escola particular. Pobre classe média que foi como manada para a escola particular para continuar participando do jogo. Paga-se os tubos na base para ir para a universidade pública no futuro. Em vez de dar base à população, carente ou não, cria-se a ilha da fantasia das cotas para ensinar na ponta do funil o que não se ensinou na base. Fico de saco cheio de ver professores dando aulas aos sábados tentando corrigir disparidades entre alunos, coisa que o governo não está nem aí. Fico de saco cheio em presenciar vários alunos com mandatos de segurança em sala de aula sem saber se irão se formar ou não. O que deveria ser dado na base é dado no final do funil. Estamos criando profissionais de segunda classe. Será que ninguém consegue enxergar isso. Daqui a pouco teremos cotas para concurso público porque os formandos não conseguirão emprego. O mercado é cruel. A seleção mercadológica é mais cruel ainda. Creio que a solução sempre esteve na base. Só que aí dá muita dor de cabeça. Se o governo der educação na base vai criar uma base pensadora e contestadora. Melhor é dar o bolsa-faculdade, assim prende o aluno pelo voto já que na base ele não vota.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: