Advertisements

O sorveteiro da terceira

JOSÉ ROBERTO TORERO

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/esporte/fk1103200822.htm


Matutei profundamente e cheguei à conclusão de que eu deveria entrevistar o sorveteiro da terceira divisão


ESTA SEMANA , um leitor identificado como Ivan enviou-me um e-mail não muito gentil que dizia: “Seu jornalista de m…, há três semanas que você só fala de uns timinhos insignificantes que não jogam b… nenhuma. P…, vai entrevistar o sorveteiro da terceira divisão!”
Matutei profundamente sobre a manifestação do terrível Ivan e cheguei à conclusão de que ele estava certo. Eu deveria mesmo entrevistar o sorveteiro da terceira divisão. No dia seguinte, lá estava eu no jogo entre o alviceleste Nacional e laranja-berrante Oeste Paulista. Havia umas 140 pessoas no estádio Comendador Souza. Entre elas, um sorveteiro franzino e sorridente (apesar dos poucos dentes). Peço um picolé de uva e pergunto como ele se chama.
– Meu nome é Raimundo.
– De quê?
– Da Silva, né.
– Posso lhe fazer umas perguntas?
– Pode. Mas tem que falar alto que eu estou meio surdo. Tem muita buzina em São Paulo.
Raimundo tem 52 anos e vem em todo jogo do Nacional desde os 12. Vende uns 50 sorvetes por jogo e nos outros dias trabalha na rua. Ganha cerca de R$ 300,00 por mês e vive com dois irmãos. Não casou porque “casamento só é bom no primeiro dia. Depois é só briga”.
Pergunto se o movimento hoje não está especialmente fraco. – Não, é sempre assim.
– Então por que o senhor vem para cá?
– Venho porque só eu que venho.
O Corinthians é seu segundo time. Mas num jogo entre seus dois clubes, torceria para o Nacional. Raimundo já foi faxineiro e gosta muito de trabalhar com limpeza.
– O que faz para se divertir?
– Corro. Já ganhei umas 50 medalhas de participação. Mas dei quase todas. Medalha pé-de-chinelo eu não quero. Aquelas medalhinhas de honra ao mérito eu dou para os colegas, para os vizinhos.
Só guarda as que ganhou nas São Silvestres e nas maratonas (já fez quatro e diz que terminou todas). Neste momento, o Oeste faz 1 a 0. Raimundo faz um muxoxo. Realmente ele não está numa fase de muita sorte. Machucou o joelho em outubro e desde então deixou de fazer seus 10 km diários. Tinha uma bicicleta (“daquelas Barra Circular”), mas ela quebrou. A tevê também pifou, e ele ficou apenas com um rádio. O pior é que o seletor do aparelho está estragado e ele não consegue mudar de estação.
– Antes estava na rádio do Davi Miranda, mas ele só falava naquelas coisas de demônio, e eu estava ficando louco. Fui no homem que conserta rádio e pedi para ele dar um jeito. Não consertou, mas pelo menos agora está na Jovem Pan.” Para terminar, pergunto qual a coisa que ele mais deseja no mundo.
– Quero ser faxineiro do Pão de Açúcar. Aí eu entro na equipe de corrida deles. Um torcedor que escutava a conversa, não se conforma: “Só isso? Tem que sonhar mais alto.”
– Povo não pode ficar sonhando muito, filosofa o sorveteiro enquanto pega sua caixa de isopor e sai. Depois, só o vejo quando comemora o gol de empate do Nacional.
Ele grita de longe: “Não esquece! Meu nome é Raimundo!”

Facebook Comments
Advertisements

14 comentários sobre “O sorveteiro da terceira

  1. Ton

    muito legal a entrevista com o sr. raimundo.
    Até me proponho a ajudar com R$ 10.00 para o conserto da televisão.

    Ae Ivan, gostou da entrevista? Quem sabe aprenda bons modos com o sr. Raimundo e para de falar palavrão!

    Paulinho: Muito legal mesmo

  2. Rafael Bicalho Barbosa

    Entrevista sensacional!
    Esse Sr. Raimundo deve ser uma FIGURA!

    Paulinho: Deliciosa história

  3. Beto_jus

    Genial!! Mas isso é chover no molhado em se tratando do Torero.

    Paulinho: Sem dúvida

  4. Toel

    S E N S A C I O N A L – Por essa acho que o rapaz citado não esperava hein, um cala-boca daqueles mais doloridos, qto. ao Sr. Raimundo esse sim um grande vencedor, um sujeito simples com uma vida modesta, que sabe o que quer, tem no esporte sua grande paixão vive como a maioria da população brasileira e tem orgulho do que faz. queria falar um monte coisa esse texto revela uma série de reflexões, muito bom mesmo, só me resta dar os parabéns ao torero.

    Paulinho: O Torero é bom demais….

  5. vivian

    Como alguém investe seu tempo enviando e-mails maldosos???!!!
    Espero que o leitor mal educado reveja seu comentário infeliz.
    Quanto so Sr. Raimundo, que ele realize o sonho de correr pelo Pão de Açúcar.
    Como sempre, um belo texto…

    Paulinho: Belíssimo texto

  6. João Dias

    Muito bom, Paulinho!!!! O Sr. Raimundo merecia uma entrevista maior. Espero que dê tudo certo. Será que alguém do Pão de Açúcar visita esse blog?? Podia ajuda-lo, não é? Afinal, é o sonho dele e com sonho não se brinca.
    Abraços!

    Paulinho: A busca do sonho é o combustível da vida

  7. João Ricardo

    Fantástico. O Torero precisa divulgar a repercussão.

    Paulinho: A repercussão foi ótima

  8. sergio

    parabens paulinho, e por essas e outras que acesso seu blog todo dia, e apesar de divergir de certas opinioes( acho que vc deveria admitir que o luxa e o melhor treinador de campo, indepedente do que ele faz fora dele, uma prova foi que ele inventou o rodrigo souto que agora foi bem vendido pelo santos, e que vc admira tanto o kajuru que e super integro, mas que no bola na rede fez “merchan” do seu livro de 1 real o programa inteiro.),considero vc um cara especial que esta ajudando muito ,tudo que envolve o futebol e a midia.abraços de um fã que discorda muito,mas que admira e respeita suas opinioes.

    Paulinho: Também respeito as suas. Abraço

  9. Henderson

    Puts, quando eu crescer quero escrever metade do que o Torero escreve…simplesmente excelente….

    Paulinho: Se escrever metade já será genial

  10. Marcelo Carvalho

    Excelente o texto do Torero. Essas pessoas, como o Sr. Raimundo, a gente só encontra nesses estádios, isso não tem nos jogos dos chamados times grandes. Viva Comendador Souza, Javari e outros.

    Paulinho: Pureza no futebol

  11. Plinio Visgueiro

    Gostei da intrevista, espero que o Ivan também gosti.

    Desejo que o sorveteiro realize o seu sonho é uma pessoa simples e humilde. Sr. Raimundo, o primeiro princípio para realizar um sonho, é ACREDITAR. Vá e corra atráz do seu sonho. Abraços.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: