Advertisements

Mais um desserviço de Orlando Rollo ao Santos

Em entrevista à FOLHA, o presidente do Santos, Andres Rueda, revelou sua surpresa ao se deparar com o clube extraído do acordo com o PROFUT:

“A gente estava com cinco mensalidades atrasadas. Aquilo me arrebentou”

Três destes meses ocorreram sob a gestão do policial Orlando Rollo.

Rueda precisou implorar em Brasília para que o Peixe fosse novamente aceito no PROFUT, além de obrigado a quitar, à vista, R$ 60 milhões.

O caos do clube, lutando desesperadamente contra o rebaixamento, tem protagonistas óbvios.

Além de enxugar as despesas e tentar manter um time encaixado no real padrão financeiro da agremiação – sem o doping (dívidas sobre dívidas), por exemplo, do Corinthians -, o Santos, sob risco de falência (inclusive esportiva), precisa realizar grande limpeza em em seu Conselho Deliberativo, espécie de Mercado Informal de votos e facilidades.

Facebook Comments
Advertisements

Um comentário sobre “Mais um desserviço de Orlando Rollo ao Santos

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: