Advertisements

Arrascaeta e Neymar retratam pobreza intelectual, por escolha, de muitos ídolos do esporte

Arrascaeta subiu o de moto, sem capacete e máscara - Reprodução/Twitter

Ontem (25), o jogador Arrascaeta, do Flamengo, sequer se esforçou para esconder sua visita a uma das favelas do Rio de Janeiro, na garupa de uma moto, sem capacete, máscara e qualquer preocupação com distanciamento social.

24 horas antes, Neymar foi flagrado, com famosos, também sem atender as medidas de prevenção ao COVID-19, em jantar no Paris 6, em São Paulo.

Ambos, mas não somente eles, retratam a pobreza intelectual de muitos ídolos do esporte.

Gente que, diferentemente de muitos na profissão – marcada, em regra, pela pouca oportunidade – recebeu a chance, por méritos próprios, de enriquecer e, através desse dinheiro, bancar a própria evolução intelectual.

Preferiram, porém, seguir como estavam, ampliando apenas as possibilidades de comportamentos irresponsáveis e socialmente reprováveis.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: