Advertisements

Os endinheirados da Comissão Nacional de Arbitragem

Árbitro de Vídeo: exercício prático promove troca de funções - YouTube

Sérgio Corrêa da Silva

Circula no meio da arbitragem relatório de recebimentos de membros Comissão Nacional de Arbitragem, e de seus protegidos, que remetem a salários de presidentes de multinacionais.

R$ 2,2 milhões teriam sido divididos entre 12 agraciados.

Enquanto isso, quem não participou da ‘panela’ precisou implorar por escalas para manter em dia as contas pessoais.

Os que mais teriam embolsado seriam Sérgio Corrêa da Silva, presidente da CNA, e Leonardo Gaciba, chefe da arbitragem da CBF, ambos com R$ 360 mil recebidos em salários.

Porém, na conta de Corrêa, aparecem mais R$ 49,8 mil, a título de taxas e diárias, perfazendo a quantia total de R$ 409 mil.

Enquanto isso, a arbitragem, sob comando deles, segue notoriamente deficiente, assim como a utilização do VAR, que deveria ajudar a todos, cada vez mais suspeita e equivocada.


Abaixo o Informe que circula entre os árbitros com a relação dos mais agraciados pela CNA

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: