Advertisements

Vice-presidente do Conselho e presidente da Comissão de Ética expõe Corinthians a punição por descumprimento de quarentena

Cris, Leandro, André Negão, Onofre, Severino, Marcelinho e Boca de Graxa

O Estado de São Paulo está sob restrições impostas para combate à pandemia de COVID-19 que obrigam, por exemplo, bares e clubes sociais a encerrarem suas atividades no período compreendido entre 20h e 08h.

No Corinthians, o cumprimento à Lei inexiste.

Ontem, às 22h, estava numa roda de cervejas e afins, dentro do Parque São Jorge, sentado, sem máscara (infringindo também normas do clube), ocupando as mesas do bar localizado ao lado do ginásio Wlamir Marques, o vice-presidente do Conselho Deliberativo, que acumula o cargo de presidente da Comissão de Ética e Disciplina, André Negão.

Ao seu lado, alguns puxa-sacos habituais e parceiros como Onofre (acusado de corrupção nas categorias de base) Marcelinho Carioca (com quem andava estremecido) e Severino, pai do jogador Willian, da Seleção Brasileira.

Todos colocando em risco não apenas a saúde, deles e dos demais cidadãos, mas também o Corinthians, que, se denunciado, teria as portas lacradas pela infração à legislação.

Quem haverá de puni-los, como associados, levando-se em consideração que o ‘juiz’ (do clube), neste caso, dividia a mesa com os infratores?

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: