Advertisements

Desembargador do TJ-SP afirma que Frederick Wassef cometeu crime ao esconder Queiroz em Atibaia

Desembargador Alberto de Oliveira Andrade Neto

(Trecho de entrevista concedida pelo Desembargador Alberto de Oliveira Andrade Neto (TJ-SP) ao programa Inacreditável)

“(…) sem dúvida nenhuma, o que nós vimos aí foi uma situação de um advogado (Frederick Wassef) criar dificuldades numa apuração de um inquérito que envolvia seu cliente que era o Sr. Flávio Bolsonaro”

“E, realmente, colocando esse indivíduo (Queiroz) numa impossibilidade de se alcançá-lo”

“É irrelevante, nas circunstâncias, a alegação de que ele não estava preso e não havia mandato de prisão… (…) eu não estou atrás dele para prender… eu estou atrás dele para ouvir… e se eu estou atrás dele para ouvir e ele está se escondendo de ser ouvido, eu estou criando situação de impedimento da investigação… ai sim, eu tenho esse crime”

“O crime do indivíduo estar com prisão decretada e você ocultá-lo, aí é favorecimento, crime de favorecimento”

“Essa situação que nós estamos vendo, é um outro tipo de crime, mas também é um crime contra a administração da Justiça, de você estar criando empecilho ao exercício da apuração da polícia… da investigação”

“Obstrução de Justiça… claramente obstrução de justiça”


Íntegra da Entrevista:

Inacreditável #09 – entrevista com Desembargador Alberto de Oliveira Andrade Neto

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: