Advertisements

CBF nega ajuda aos clubes, mas patrocina escola de samba

Em tempos de pandemia, a CBF é das poucas entidades que segue adiante com ar de aparente tranquilidade financeira.

Somente em 2019, a Casa Bandida arrecadou quase R$ 1 bilhão.

Apesar de boa parte desde dinheiro originar do esforço dos clubes, as agremiações, quando muito, ao solicitarem auxílio recebem empréstimos a juros destoantes do mercado.

Outros que sofrem são os árbitros

Ontem a CBF anunciou o segundo adiantamento de cotas, que será descontado destes profissionais em jogos futuros.

Se não dá moleza para clubes e demais prestadores de serviço, a cartolagem que comanda o futebol parece mais simpática ao ambiente carnavalesco.

CBF e FERJ, com seus filiados na pindaíba, e sem autorização destes, decidiu que a grana que lhes retira deveria servir de patrocínio, ou seja, sem devolução, a uma ‘live’ da escola de samba Salgueiro.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: