Advertisements

Pressionado, Conselho do Corinthians pode votar ‘compra de votos’ e afastar Paulo Garcia das eleições do Corinthians

O Blog do Paulinho revelou, na última semana, que o empresário Paulo Garcia, dono da Kalunga e irmão do agente de jogadores Fernando Garcia, nunca foi julgado, internamente, pelas acusações de compra de votos nas eleições do Corinthians, em 2018.

Os indícios são fortes, principalmente o áudio, amplamente divulgado pela mídia, de seu funcionário, Antonio Rachid, intermediando as ‘tratativas’.

Ambos, além de Eduardo Caggiano, André Negão e Eduardo ‘Gaguinho’ Ferreira (que pegou dinheiro do agente Carlos Leite para beneficiar Andres Sanches), aguardam a definição de seus casos.

O assunto, por conta da publicação do blog, ganhou corpo no Parque São Jorge e pode ser o fiel da balança no próximo pleito, marcado para o final de 2020.

Existe, desde já, um movimento de pressão para que o julgamento ocorra com brevidade.

No último final de semana, incomodado com questionamentos à respeito, Rachid alterou-se e gritou, na sede do clube: “tem que julgar logo”, “acabar com essa história”.

Gente graúda do clube garante que se não houver decisão até a data das eleições, a Justiça será acionada.

Fala-se, nos bastidores, que Garcia, temeroso das consequências, poderia trabalhar para jogar a cabeça de Rachid aos ‘leões’, livrando a sua de provável punição.

Até as árvores do Parque São Jorge sabem que o intermediário não teria cacife para bancar, por decisão própria, as vantagens oferecidas, nem teria coragem de fazê-lo sem antes beijar, como de hábito, as mãos do patrão.


Ouça, para relembrar, o áudio em que Antonio Rachid compra votos para Paulo Garcia, dono da Kalunga, durante as eleições presidenciais do Corinthians, em 2018:

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: