Advertisements

Associado do Santos consegue reaver cativas que o clube queria lhe tomar ‘na mão grande’

Em julho de 2019, o associado do Santos, Sr. Antonio José dos Santos, recebeu correspondência do clube cobrando-lhe R$ 3,2 mil, que estariam em atraso, sobre a manutenção de duas cadeiras cativas da Vila Belmiro.

O prazo de quitação seria de 15 dias.

No limite da data, Antonio compareceu ao Peixe para pagar a dívida, porém não conseguiu fazê-lo por conta de problemas nas maquinas de cartão de crédito da agremiação.

Orientado a retornar no dia seguinte, foi surpreendido com a informação de que, por conta do excesso de prazo, as cadeiras ’76-C’ e ’76-D’ não mais lhe pertenciam.

Inconformado, o associado, um mês depois, ingressou na Justiça.

Na última segunda-feira (03), a 2ª Vara do Juizado Especial Civil de Santos assegurou-lhe a propriedade dos bens, obrigando o Santos a devolver o patrimônio e emitir boleto para que a pendência, enfim, seja honrada.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: