Advertisements

A evolução de Gabigol

Antes de ser contratado pelo Flamengo, Gabigol era a imagem do fracasso, fruto de seus desleixo como atleta e do comportamento pouco inteligente fora dos gramados.

Eis a grande proeza de Jorge Jesus.

O treinador rubro-negro, aos seus métodos, conseguiu inserir na cabeça do atacante que aquela era a última chance de sua vida de alçar voos relevantes na carreira.

Se fracassasse, ainda assim seria rico, porque o mundo do futebol permite essas coisas, mas, certamente, frustrado profissionalmente.

Exemplos não faltam em casos semelhantes, como Pato, Ganso, etc.

Gabigol evoluiu como jogador de futebol, dedicando-se e aprimorando o que tinha de melhor: a conclusão das jogadas.

O Blog do Paulinho, que sempre teceu duras críticas ao atacante, confessa, não acreditava mais nessa possibilidade.

Quem bom, erramos.

Mas ainda falta muito pela frente para que as coisas se mantenham nesse patamar.

O jogador precisa, também, amadurecer seu comportamento pessoal, evitando fazer as bobagens que ainda comete, fora de campo, e por vezes também nele, ocasionadoras de expulsões como a da própria final de Libertadores que o consagrou.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: