Advertisements

Mulheres palmeirenses agem como ‘porcas’ no Pacaembu

Ontem (09), em meio ao clássico disputado entre Palmeiras e Corinthians, uma torcedora alvinegra, apesar da indicação de ‘torcida única’, compareceu ao Pacaembu e postou, em rede social, fotos demonstrando estar assistindo ao jogo na arquibancada.

Apesar da absurda proibição, ela existe e, no máximo, a corinthiana deveria ser convidada a se retirar do local.

Claro, sem violência.

Porém, no submundo das ‘organizadas’, em que a cultura da agressividade e ignorância sobrepõe-se à da civilidade, o episódio teve desfecho lamentável.

Bandidas da ‘Mancha Verde’, assim como ‘porcas’ esfomeadas diante do alimento, em vez de protegerem a mulher da covarde agressão, física e verbal dos ‘machões’, ampliaram-nas, com direito a socos, pontapés, puxões de cabelo e demais barbaridades.

Mais um caso triste de intolerância esportiva que, até o presente momento, não recebeu reprimenda de quem banca os torcedores, que, se contrária fosse ao ocorrido, até por solidariedade feminina, no mínimo, secaria as torneiras que ajudam essa gente a permanecer ativa nas praças esportivas brasileiras.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: