Advertisements

Moro e MBL. Quem é o tonto na história ?

Em mensagem revelada pelo ‘The Intercept’, em conjunto com a FOLHA, o ex-juiz Sérgio Moro, que vem sendo desnudado pelas publicações, tratou membros do MBL, que sempre o aclamaram como ‘super-herói’, pela alcunha de “tontos”.

O Blog do Paulinho concorda com a avaliação.

Porém, diferentemente deste espaço, de ideias independentes, Moro possui o rabo amarrado em diversas frentes, razão pela qual a ‘macheza’ dos tempos de magistrado tem dado lugar à submissão dos comprometidos.

Nesse contexto, perder o apoio de descerebrados, como os do MBL, que, apesar disso, possuem poder de mobilizar diversos semelhantes – quase todos eleitores – ou pior, a possibilidade de tê-los ‘jogando contra’, quando ainda possui objetivos políticos, gerou pânico no ex-magistrado.

Medo e precipitação, geralmente, conduzem até os mais ‘espertos’ a equívocos.

Moro enviou ao MBL um surreal pedido de ‘escusas’, em forma de áudio, sobre um texto que diz ‘não ter certeza’ que escreveu.

Difícil, diante desse quadro, é saber qual dos lados, de fato, seria o mais ‘tonto’.

O ex-juiz que se desculpa sobre o que alega não saber ter feito ou os que acreditam no ‘respeito’ apregoado na mensagem, quando, flagrado na informalidade, longe da necessidade de agir de maneira política, o agora ‘arrependido’ demonstrou seu real pensamento sobre os que, formalmente, é obrigado a bajular.


Ouça a mensagem do ex-juiz Sérgio Moro ao MBL:

Advertisements

Facebook Comments

2 comentários em “Moro e MBL. Quem é o tonto na história ?”

  1. Com esse áudio o idiota confirma que o áudio é verdadeiro.

    Estranha é essa repentina amnésia do paladino da justiça. Não sabe se é verdadeira a mensagem? Pateta…

  2. Quem é o tonto nessa história e muito menos se as mensagens – obtidas de forma criminosa e que o protetor do(s) criminoso(s) que as vem divulgando à conta-gotas – são verdadeiras ou se foram adulteradas, isso com certeza não sabemos….

    Mas o que com certeza sabemos é que:

    1) O PT só tem tido derrotas: Dilma caiu, Lula tá preso, Bolsonaro foi eleito Presidente da República, a reforma da previdência vai passar no Congresso e o julgamento do HC do Lula foi adiado pro segundo semestre, quem sabe a tempo do TRF-4 confirmar a condenação em 2a instância no processo da compra/reforma do sítio em Atibaia.

    2) Não foram membros do MPF de Curitiba e nem o ex-juiz Sérgio Moro quem: a) Receberam propina da OAS na forma de apartamento triplex; b) Tinham sítio em Atibaia que foi reformado por duas empreiteiras: OAS e Odebrecht, uma vez pronto colocaram pedalinhos, fotos pessoais e até mantinham garrafas de cachaça com o próprio nome na adega; c) Tinham contas em seus nomes no valor de R$ 300 milhões, conta denominada com o código “AMIGO” no setor de operações estruturadas – vulgo propinas – da Odebrecht e d) Tentaram virar ministro da Casa Civil pra não serem presos….

    3) O Itaquerão, assim como o instituto que leva o nome do presidiário foram construídos pela Odebrecht como forma de “agradecimento” ao “AMIGO” presidiário e sua poste que o sucedeu pela “ajuda” dada durante seus governos, período esse de 14 anos e que após 3 anos ter cessado a “ajuda do AMIGO” a empreiteira entrou em recuperação judicial.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: