Advertisements

Funcionários da Lusa entram em greve enquanto clube torce para Canindé não ser arrematado

Logo mais às 16h, inicia-se a 2ª praça do Leilão do estádio do Canindé, que deixa de custar R$ 163,9 milhões para valer R$ 98,3 milhões, com entrada de 25% e o saldo restante em 30 vezes iguais.

https://www.sublimeleiloes.com.br/lotes/187-1-direitos-sobre-o-estadio-do-caninde-portuguesa

A Lusa se meteu nessa enrascada por conta de dívidas trabalhistas diversas, a grande maioria com jogadores de futebol.

Ainda assim, o clube não apreendeu a lição.

Sem receber salários há três meses, nem o recente 13º, funcionários da Portuguesa decidiram entrar em greve, agravando ainda mais a situação.

Enquanto isso, fala-se no clube que o principal responsável pelo caos, o presidente Alexandre Barros, que quebrou os acordos trabalhistas e destruiu a sede social, estaria preparando uma saída, digamos, estratégica, para os EUA.

A especulação cresceu após o irmão do mandatário lusitano, às pressas, vender o patrimônio e mudar-se para Nova Iorque, justamente o lugar em que, recentemente, Barros esteve com a esposa, apesar de, oficialmente, dizer estar em má-condição financeira.

Advertisements

Facebook Comments

1 comentário em “Funcionários da Lusa entram em greve enquanto clube torce para Canindé não ser arrematado”

  1. Eu, como torcedor da Lusa, torço para que ela saia desse situação de penuria. Porém reconheço que, apesar a forcinha da CBF/Globo para o clube chegar nisso, também existe muita responsabilidade dos péssimos presidentes e dirigentes que o clube teve

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: