Advertisements

Decisão da Justiça Federal afunda Corinthians em dívidas próximas de R$ 1 bilhão (sem contar o estádio)

O mais recente balanço do Corinthians, a ser votado em reunião do Conselho Deliberativo, trará que o clube possui dívidas que, somadas, ultrapassam R$ 500 milhões.

Porém, nem bem foi apresentado e já está desatualizado.

No início da semana, o Blog do Paulinho revelou que a Prefeitura de São Paulo ganhou na Justiça direito de cobrar R$ 171,9 milhões do clube, referentes a calotes nos impostos municipais.

Mas não parou por ai: decisão da 21ª Vara Civel Federal (TRF-3) anulou liminar que impedia a cobrança de R$ 487,2 milhões em dívidas ativas contestadas pelo Timão.

O CARF, local em que o Corinthians ingressou com recurso, será notificado nos próximos dias.

Ou seja, além da dívida gigantesca por conta da construção do estádio de Itaquera, existe ainda mais de R$ 1 bilhão – quase a totalidade em calotes de impostos – a serem honrados nos meses que estão por vir.

Vale lembrar que essa política, de apropriação indébita e sonegação, era defendida pelos gestores alvinegros mais relevantes, entre os quais o então diretor jurídico, Sergio Alvarenga, e levou quatro cartolas (Andres Sanches, André Negão, Raul Corrêa da Silva e Roberto Andrade) a três indiciamentos criminais que persistirão – sob risco de prisão, até que todas as pendências sejam honradas.

Advertisements

Facebook Comments

1 comentário em “Decisão da Justiça Federal afunda Corinthians em dívidas próximas de R$ 1 bilhão (sem contar o estádio)”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: