Advertisements

Denúncia grave de corrupção nas licitações da SEME, da Prefeitura de São Paulo, na gestão João Agripino Dória

O Blog do Paulinho foi procurado por gente ligada aos procedimentos de licitação da Prefeitura de São Paulo, mais especificamente a SEME (Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação), que detalhou irregularidades, favorecimentos e até corrupção em meio a estes procedimentos.

Entre os beneficiados estaria o ex-árbitro Marcos Fábio Spironelli, que já foi objeto de investigação (divulgada neste espaço) por procedimentos semelhantes, quando o Município estava sob comando do PT.

Demonstração clara de que os desvios de conduta são pluripartidários.

Abaixo pequeno Dossiê revelado por nossa fonte:


Fato estranho:

No memorial descritivo eles fornecem o quantitativo de jogos separados por categorias de faixas etárias, mas, na hora de licitar e na ata e contratam, o fazem por um preço único de jogo, independente da categoria, pagando o mesmo valor para adulto e base, independente da duração das partidas e/ou composição de equipe de arbitragem.

(Anexo VI – pagina 52 – 55 no contrato e Anexo I – Página 20 a 25)

Pontos Positivos:

Após o episódio da falsificação dos diplomas por parte da Apto Esportes (Rodrigo Braghetto) e denúncias do David Sanchez contra as empresas no último pregão e que o Sr. Celso Jatene “empurrou com a barriga” para terminar os eventos em virtude das eleições e ele ser candidato, este edital inseriu:

– Certificação e formação técnica dos árbitros – Artigo 1º Página 30 do Edital

– apresentação dos recibos de pagamentos dos oficiais de arbitragem, junto com a NF-e, recolhimento do INSS e apresentação da Conectividade Social – Página 13 do Edital

Marcos Fabio Spironelli:

Como a imagem do Spironelli está desgastada junto às prefeituras, porém, ele está mais atuante do que nunca, ele, saiu de todas as suas empresas, deixando no nome de sua ex-companheira Rita de Cássia Rogério e de suas filhas, além de seu escudeiro Antonio Carlos Luz Mendes e Nilson Toda Lucas Vidal, conforme Ficha Cadastral da Junta Comercial em anexo. (As fichas anexadas são públicas e podem ser baixadas no portal BEC – Bolsa Eletronica de Compras).

Ele não participou da licitação com a AAGSP – Associação de Árbitros da Grande São Paulo, por esta, estar respondendo junto ao TCM – Tribunal de Contas do Município sobre prestação de contas das primeiras edições da competição ( http://www.docidadesp.imprensaoficial.com.br/NavegaEdicao.aspx?ClipID=FIK2VK3PDU6NVe3HV14TISHJ38T&PalavraChave=Associacao%20de%20Arbitros%20da%20Grande )

A AAGSP teve insclusive seu CCM junto a PMSP cancelado via ofício TCM ( http://www.docidadesp.imprensaoficial.com.br/NavegaEdicao.aspx?ClipID=7VMM3VRIHG0P1e8FE7CLAK1K3DG&PalavraChave=Associacao%20de%20Arbitros%20da%20Grande )

Lote Futebol e Futsal:

O Spironelli disputou os Lotes 1 a 3, ganhando os maiores lotes financeiros e mostrando ainda sua força junto ao mercado, porém, com duas empresas de “família” e que constavam ele como sócio até pouco tempo atrás, tanto que a empresa SFM é o nome dele ao contrário. Observe que a Shamou que ganhou o lote 1 é de propriedade de Ilda (sua mãe e avó de Marina) e a SFM que venceu o Lote 2 tem como sócia sua filha Marina e sua ex-companheira Rita de Cassia Rogerio, que também, é presidente da Associação de Árbitros da Grande SP.

  • Observe que as certidoes Jucesp são do mesmo escritório de contabilidade inclusive.
  • Não é ilegal, mas, é imoral e chama a atenção a fraude pelo fato da pesquisa mercadologica ter feito por empresas ligadas à ele.

Acordo de Cavalheiros:

O vencedor dos demais lotes é parceiro do Spironelli em outros negocios e confidenciou ao Spironelli que estava com problemas junto a comprovação financeira das empresas e a SFM questionou o pregoeiro sobre isto e mostrando sua força a SEME cancelou um dos itens (o mais importante) que comprovava a boa condição financeira da empresa. (Anexo: Resposta Questionamento).

O pregoeiro ignorou o Edital e prorrogou à empresa dando-lhe prazo até segunda-feira para apresentar tal comprovação, ignorando e desrespeitando o Edital e suas normas. (Print da tela do BEC) No link anexo: poderá ser observado a “bondade” do pregoeiro. O documento deveria ter sido enviado ontem, ele reabre o pregão hoje cobrando o documento e em determinado momento a empresa diz que o contador não está no escritório e pede prazo, o balanço é de 2.016, um absurdo ( https://www2.bec.sp.gov.br/bec_pregao_UI/OC/pregao_oc_item.aspx?etjmZMsHMK%2bNwHKm%2fERP58bMRMmARsNOVTQTz7ftVbaOR%2fAAdMbPMdgvWBeNQ5Jn )

  • Segundo colocado em todos os lotes empresas do Grupo “Spironelli”

As más linguas dizem que o “acordo” estaria selado para ajuda financeira e política para o João Dória.

A empresa SFM

A empresa SFM foi suspensa e teve contrato rescindido junto à Prefeitura de Caraguatatuba no ano passado por irregularidades administrativas, principalmente, relacionadas a terceirização de mão de obra junto à Associação de Árbitros de Caraguatatuba, contratação de mão de obra sem qualificação legal para isto e sobretudo diferença em quantidades de jogos realizados com os emitidos em Notas Fiscais.

O episódio teve inclusive a paralisação dos eventos em decorrência de cobrança de esclarecimentos junto à Administração local feita pelo Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado de São Paulo e noticiado inclusive no site da PMC. ( http://www.caraguatatuba.sp.gov.br/pmc/2017/07/nota-oficial-paralisacao-dos-campeonatos-municipais-de-futebol-de-caraguatatuba/ ) foram comprovadas as irregularidades, o contrato foi cancelado.

Foi feita nova licitação e o Spironelli ganhou novamente com a Shamou Esportes e novamente foi cancelado. Teve nova licitação e foi cancelada, pois, ele achou que os valores do edital estavam baixos.

O estranho é que o Secretario de Administração Sr. Ricardo Romera não disponibiliza a decisão de forma pública e transparente aos interessados. No link a seguir prova as licitações 3 em um ano http://www.caraguatatuba.sp.gov.br/licitacoes/?url=resultado-pesquisa&modalidade=&numero_licitacao=&objeto=arbitragem&situacao=

A empresa Shamou enviou os documentos eletronicamente pelo sistema BEC assinados pelo procurador

O procurador é Antonio Carlos Luz Mendes, porém, o pregoeiro fez vista grossa na exigência de apresentar procuração com reconhecimento de firma e com poderes especificos para a presente licitação, novamente, ignorando normas da Lei 8.666

(Anexo o documento)

A empresa SFM Eventos

A Marina Rogério, supostamente, não assinou os documentos do pregão, sendo rubricados por alguém, pois é completamente diferente a assinatura dos documentos com a assinatura dela no contrato social. A denunciante pediu para preservar está informação, porém, publicamos, por entender que é de grande importância

Tomei a liberdade por em consulta ao site da Jucesp.

Já foi matéria desta espaço a falsificação de recibos e outros documentos por parte de Marcos Spironelli.

Segundo a fonte denunciante, ligadas a Seme, está certo o “esquema” pras empresas do “Spironelli” bombarem no poder publico e nas administrações, porém, desde que ele não apareça.


DOCUMENTOS ANEXOS (clique nos links para acesso):

801013801002018OC00004Anexo habilitacao08_03_2018 16_27_33

CERTIDÃO_SIMPLIFICADA

Certidão_Simplificada_(1)

Edital Jogos da Cidade 2018

JucespSFM

JucespSpironelli

Resposta Questionameto SFM

SFM2

SFM3


Taxas de Arbitragem acima da média devido a “Reserva Técnica”:

Futebol:

Lote 1: R$ 785.125,00 para 1915 jogos. R$ 410,00 por jogo.

Lote 2: 747.943,00 para 1811 jogos R$ 413,00 por jogo.

No mesmo “nível” uma partida da Associação Paulista de Futebol no Adulto sai por R$ 380,00.

Futsal:

R$ 979.200,00 para 2880 jogos. R$ 340,00 por jogo em média.

02 árbitros e 01 apontador/cronometrista. Apenas nas fases finais 1 árbitro e 1 cronometrista mais.

No mesmo “nível” uma partida da Federação Paulista de Futsal com tempo cronometrado no Adulto sai por R$ 620,00 – categoria Adulto (tempo cronometrado e 4 profissionais)

http://www.federacaopaulistadefutsal.com.br/wp-content/uploads/2018/01/REGIMENTO-DE-TAXAS-2018.pdf

Basquete:

R$ 318.750,00 para 710 jogos. R$ 448,00 por jogo em média.

02 árbitros e 01 apontador/cronometrista. Apenas nas fases finais 1 árbitro e 1 cronometrista mais.

No mesmo “nível” uma partida da Federação Paulista de Basquete com tempo cronometrado no Adulto sai por R$ 620,00 – categoria Adulto (tempo cronometrado e 4 profissionais)

http://www.fpb.com.br/downloads/federacao/Taxas_de_Arbitragem_2018.pdf

Handebol:

R$ 288.750,00 para 605 jogos. R$ 477,00 por jogo em média.

02 árbitros e 01 anotador.

No mesmo “nível” uma partida da Federação Paulista de Handebol com tempo cronometrado no Adulto sai por R$ 460,00 – categoria Adullto

http://www.fphand.com.br

Voleibol:

R$ 299.330,00 para 640 jogos. R$ 467,00 por jogo em média.

02 árbitros e 01 anotador. Apenas na fase final equipe completa com os bandeiras de quadra. Melhor de 3 sets e nas finais melhor de 5 sets.

No mesmo “nível” uma partida da Federação Paulista de Voleibol, em escala extra oficial feita pela “Associação de Árbitros” no Adulto sai por R$ 340,00 – categoria Adullto om 2 árbitros e 1 apontador.

Advertisements

Facebook Comments

4 Responses to “Denúncia grave de corrupção nas licitações da SEME, da Prefeitura de São Paulo, na gestão João Agripino Dória”

  1. marcospaulo2015 Says:

    Tenho certeza que os mesmos energúmenos que votaram no joão ‘trabalhador’ irão votar nele pra governador. Podem esperar.

  2. Denuncia do Blog do Paulinho suspende licitação da SEME suspeita de corrupção | Blog do Paulinho Says:

    […] https://blogdopaulinho.com.br/2018/03/11/denuncia-grave-de-corrupcao-nas-licitacoes-da-seme-da-prefe… […]

  3. Suposto beneficiado de esquema da SEME, ex-árbitro desiste de participar de licitação após denuncia do Blog do Paulinho | Blog do Paulinho Says:

    […] https://blogdopaulinho.com.br/2018/03/11/denuncia-grave-de-corrupcao-nas-licitacoes-da-seme-da-prefe… […]

  4. Após denúncia do Blog do Paulinho e do UOL, Covas anula pregão de árbitros e adia Jogos da Cidade | Blog do Paulinho Says:

    […] “As irregularidades foram inicialmente apontadas pelo Blog do Paulinho, no mês passado, e confirmadas pelo Olhar Olímpico após a publicação das contratações no Diário Oficial da cidade, no último dia 6″ […]

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: