Estadão, Lance e Blog do Paulinho

Ontem, às 04h25, o Blog do Paulinho publicou matéria dando conta de que a equipe sub-17 do Corinthians estava sendo utilizada, em campo de varzea, para fins políticos, em favorecimento à campanha de Luiz Moura, expulso, recentemente, do PT:

Base do Corinthians é exposta na várzea em campanha de deputado ligado ao crime organizado

Sem constrangimento, às 18h45m, quase 14 horas depois, o pré-falimentar site do Lance! repetiu a informação, assinada por Gabriel Carneiro, dizendo que soube do assunto “pelas mídias sociais” de André Negão, vice do clube.

Às 20h57 foi a vez do repórter Daniel Batista, do Estadão, publicar o mesmo conteúdo, citando o Lance!, não o Blog do Paulinho.

Muito provavelmente, espera-se, os jovens jornalistas tenham sido obrigados a esconder a verdade por ordem de suas editorias, cansadas de, diante de investimento muito maior, seguirem na rabeira de um blog independente, mas, ainda assim, apesar da vergonha, não é desrespeitando parte de seu público, que também divide espaço com nosso trabalho, que as coisas irão se ajustar.

O Blog do Paulinho faz questão, sempre, quando não se trata de notícia exclusiva, de apresentar ao público a origem da informação.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

3 respostas para Estadão, Lance e Blog do Paulinho

  1. Talvez você não saiba, então permita-me explicar: quando o Lance! disse “pelas mídias sociais”, eles se referiam ao Facebook do André, que havia postado sobre o jogo bem antes desse seu post. Logo, a notícia não era exclusiva sua, já que o próprio André divulgou o jogo em “primeira mão”. Abs.

    Paulinho: meu caro… o André Negão fez uma postagem em midia social pessoal, sem contextualizar a história… o trabalho jornalístico foi do Blog do paulinho, que explicou o que de fato aconteceu… tanto que os outros limitaram-se a copiar os argumentos da matéria

  2. “O dia seguinte é cruel…”
    Quem não dá o credito, nao merece o credito!

  3. Luiz de Souza disse:

    Inclusive, você coloca os créditos bem no início das reportagens. Nem em rodapé é. Mostra que age com respeito aos colegas de profissão.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.