São Paulo dá mau exemplo e é multado pela Prefeitura

Recentemente, por conta de ação promovida pelo MMT (Movimento Morumbi Total), presidido pelo morador do bairro, Sergio Orlando Santoro, descobriu-se que o São Paulo Futebol Clube, desde a fundação, jogava seu esgoto em córrego que passava ao lado do estádio, sonegando, assim, imposto à SABESP.

A situação somente foi resolvida após muita briga e insistência na Justiça.

Hoje, novo vexame ligado à falta de higiene foi configurado pelo Tricolor, resultando, inclusive, em multas da Prefeitura.

Os valores são pequenos, mas o mau exemplo muito grande.

R$ 383,78 por atear fogo ao lixo e R$ 1.535,10 por falta de cadastro como gerador de resíduos (lixo) sólidos.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.