Presidente do MMT terá quinze dias para pagar R$ 6 mil ao São Paulo

Sergio Orlando Santoro

Em outubro de 2008, Sergio Orlando Santoro, presidente do MMT (Movimento Morumbi Total) ingressou com ação para impedir, em liminar, a realização do show da cantora Madonna, no estádio do Morumbi, e, no pedido principal, de qualquer outro evento – que não de futebol, na praça de esportes do Tricolor.

Alegava poluição sonora e graves distúrbios aos moradores, por conta da intensa movimentação de público.

A Liminar foi negada e o processo, após parecer pericial (que afastou a hipótese de poluição sonora) – o clube, antes da analise, se viu obrigado a realizar modificações estruturais – teve resultado favorável ao Tricolor.

Por conta disso, Sergio Santoro foi condenado a pagar R$ 5 mil ao São Paulo, que, corrigidos, ultrapassam R$ 6,3 mil.

O prazo para quitação da pendência, em ação de execução movida pelo clube, será de quinze dias após a citação, sob pena de agravamento do montante em 10%.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.