Anúncios

Rodrigo Caio, Zé Roberto e a cultura do povo brasileiro

A rodada de ontem das semifinais do Campeonato Paulista foi especial não somente pelos embates que resultaram nas vitórias, justas, da Ponte Preta sobre o Palmeiras e do Corinthians frente ao São Paulo, mas por exemplificar nuances do comportamento habitual de grande parte do povo brasileiro.

O primeiro caso se deu na tentativa do jogador Zé Roberto de enganar a arbitragem em ridícula simulação de agressão ao rosto, quando, em verdade, o adversário mal havia lhe tocado o peito.

Parece que os Deuses do fuyebol, diante da indecência, puniram-no minutos após, no escorregão que resultou no terceiro gol ponte-pretano.

O comportamento do veterano atleta palmeirense – que já tem idade para entender as consequências de seu gesto – é típico da cultura enraizada no povo brasileiro: o da malandragem ilícita, da busca de levar vantagem sobrepondo-se aos direitos do semelhante.

Felizmente, pouco mais de uma hora depois, um jogador do São Paulo tratou de demonstrar que mesmo em meio ao deserto sempre existe a possibilidade de encontrar um oásis.

O zagueiro Rodrigo Caio viu o árbitro da partida, Luis Flavio de Oliveira, contra o maior rival de seu clube, o Corinthians, amarelar indevidamente o jogador Jô, e, em raro comportamento de retidão (não dele, mas da sociedade) chamou-o para apontar-lhe o equívoco, mesmo sabendo que o São Paulo seria amplamente beneficiado com sua omissão.

Cumpriu com sua obrigação, mas num contexto de pertencimento à uma sociedade de hábitos tão reprováveis, vem sendo exaltado, por aqueles que ainda lutam, brancaleonicamente, contra a cultura da imoralidade, como se fosse uma rara agulha encontrada no interior de um palheiro.

Ainda assim, Caio encontrou, dentro da própria torcida do São Paulo, detratores que avaliaram a decência como ato de traição.

Melhor que seja visto desta maneira por esse tipo de gente.

Pior seria receber elogios daqueles que preferem comportamentos como o protagonizado por Zé Roberto, estimuladores de práticas que resultam, por fim, nos políticos corruptos que espelham, em verdade, a sociedade que representam.

Anúncios

4 Respostas to “Rodrigo Caio, Zé Roberto e a cultura do povo brasileiro”

  1. Renato Maia Says:

    Digamos que não é de hoje que ZR vem vacilando. Na primeira fase jogando contra a mesma Ponte Preta, foi o responsável pelo pênalti cometido em cima do Pottker que resultou em sua expulsão de campo. Ontem além do fato citado no texto, no segundo tempo em jogada que envolveu o goleiro Fernando Prass, Zé Roberto e Pottker, ZR atrapalha a defesa do Prass e a bola sobra para Pottker quando então Prass por trás lhe dá uma tesoura, pênalti claríssimo que o árbitro forçando muito diríamos que estava com a visão encoberta, mas o bandeira que estava de frente para o lance, viu o pênalti e se omitiu não avisando o árbitro. Ponte foi claramente garfada duplamente, pois além do pênalti que poderia ter ampliado ainda mais o placar, Prass deveria ter sido expulso e desfalcaria o time na segunda partida. Ressalto ainda que o critério aplicado para o árbitro dar o segundo amarelo ao Reynaldo da Ponte não foi utilizado quando em lance semelhante cometido pelo pendurado Felipe Mello. Esse árbitro foi o mesmo que fez a lambança na Copa do Brasil na quarta-feira passada marcando pênalti inexistente para o Goiás contra o Fluminense. Time do interior além de ter ganhar na bola, tem que vencer a arbitragem…. Com a palavra o Fiori.

  2. primeirocampeaomundial1951 Says:

    Mas não vai falar nada do time da Ponte Preta??? Há mais de 2 anos, um time contando com uns 5 atores que todo jogo encenam e fazem cêra??? que beleza de jornalismo

  3. Vitor R. Bottura Says:

    Tem que falar do Cássio também. No lance com o Cícero, o replay mostrou que nem relou, mas o goleiro ficou fazendo uma cena ridícula para ganhar tempo. Patético.

  4. Teresinha Winter Says:

    O gol de mão do Maradona não é exaltado até hoje? Nada mais precisa dizer.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: