Kia Joorabchian começa a se enfiar no Palmeiras

kia-puteiro

O leitor deste Blog do Paulinho nunca se enganou com o dirigente de futebol do Palmeiras, Alexandre Mattos, daqueles espertalhões do esporte, que sobrevivem de grandes quantidades de negociações esportivas, segundo fontes, dividindo a lucratividade com agentes de jogadores.

Por vezes, quando o time de futebol encaixa, os desvios de conduta permanecem ocultados, mas se a equipe não engrenar sobram para o clube os prejuízos ocasionados por dezenas de distratos contratuais de jogadores medianos e a necessidade de repor as peças, em sequencia.

Amparado pela conquista do Brasileirão pelo Verdão, Mattos, mesmo mantendo as práticas citadas, ganhou uma espécie de “salvo-conduto”, que o isenta de críticas de dirigentes, torcedores e até da imprensa.

Porém a experiência avisa que a validade deste “documento” costuma expirar, sem prévio aviso, na primeira má-fase dentro dos gramados.

Sem dar bola para eventuais críticas, Mattos firmou parceria “informal” com Kia Joorabchian em recente encontro na Inglaterra, e, aos poucos, introduzirá no Palmeiras (mesmo que extraoficialmente), o grupo que o MPF e o MP-SP trataram, em pesados relatórios, como testa de ferro do dinheiro sem origem de oligarcas russos (todos assassinados) no Brasil.

Não bastasse a obscuridade dos recursos da patrocinadora, o Verdão caminha para horizontes ainda mais preocupantes.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.