Dono da TELEXFREE, patrocinador do Botafogo/RJ, vai em cana nos EUA

telexfree

Foi preso, ontem, nos EUA, James Merrill, um dos proprietários da facção criminosa TELEXFREE, patrocinadora do Botafogo/RJ.

Seu sócio, o brasileiro Carlos Wanzeler, está foragido.

Ambos foram indiciados por crime de fraude e podem pegar até 20 anos de prisão.

Vale lembrar que os “complacentes” dirigentes botafoguenses, alertados sobre ligarem o nome do clube a uma empresa proibida de operar no Brasil, deram como “desculpa” estar realizando negócio com a matriz americana, que não teria problemas na Justiça.

Agora, além dos problemas financeiros, que estão por vir, há ainda o incalculável prejuízo moral da marca, valores que deveriam ser cobrados do patrimônio pessoal de quem, certamente, levou “vantagens” na negociação.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.