Coluna do Fiori

FUTEBOL: POLÍTICA, ARBITRAGEM E VERDADE

Fiori é ex-árbitro da Federação Paulista de Futebol, investigador de Polícia e autor do Livro “A República do Apito” onde relata a verdade sobre os bastidores do futebol paulista e nacional.

http://www.navegareditora.com.brEmail:caminhodasideias@superig.com.br

Sábado 16/11

Amistoso internacional

Realizado no Sun Life Stadium (EUA-Miami)

Brasil 5 x 0 Honduras

Árbitro: David Gantar (CAN)

Item Técnico

Não foi exigido

Item Disciplinar 

Neymar foi perseguido o tempo todo, em alguns momentos, foi agredido criminosamente; fundamentando nas leis do jogo, o assoprador de apito, deveria e poderia, ter expulsado um dos agressores

Conclusão

Medíocre no item disciplinar

36ª Rodada da Série B do Brasileirão – 2013

Palmeiras 3 x 0 BOA ESPORTE (MG)

Árbitro: Edivaldo Elias da Silva (PR)

Item Técnico

Por volta do oitavo minuto da primeira etapa o representante das leis do jogo agiu corretamente quando determinou a cobrança de escanteio após;

– Marcelinho Paraiba, atleta da equipe visitante, ter cabeceado a redonda para baixo, direcionando-a, para a meta palmeirense,

– em cima da linha o goleiro Fernando Prass conseguiu espalmar a pelota para frente,

– ato contínuo, um dos zagueiros, despachou a redonda para escanteio.

Item Disciplinar

Os cartões amarelos: Três pro Palmeiras – Cinco pro Boa, aplicados corretamente

Conclusão

Trabalho aceitável dos representantes das leis do jogo

Em Tempo

Palmeiras sagrou-se campeão pela segunda vez; a primeira ocorreu em 2003

Domingo 17/11

35ª Rodada da Série A

Fluminense 2 x 1 São Paulo

Árbitro: Marcio Chagas Silva (RS)

Item Técnico

Não foi exigido

Item Disciplinar

No vigésimo oitavo minuto da segunda etapa, Gum, atleta do Fluminense, parou contra-ataque são-paulino cometendo explicito e violento carrinho em um dos oponentes; por ter recebido cartão amarelo anteriormente, Gum poderia e deveria ter sido expulso

Triunfo

Aos quarenta e quatro minutos da segunda etapa, Gum se adiantou da zaga são-paulina, subiu, cabeceou, e marcou o tento da vitória do Fluminense

Conclusão 

Indiretamente, o árbitro Marcio Chagas Silva influenciou no resultado

Portuguesa 2 x 0 Atlético – MG

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)

Os representantes das leis do jogo desenvolveram trabalho aceitável

Primeira Partida Semifinal da Copa Sul-Americana

Quarta Feira 20/11

São Paulo 1 x 3 Ponte Preta

Árbitro: Diego Abal (AR)

No todo da refrega, Diego Abal deixou o jogo correr, acertou por não ter aplicado os métodos nada ponderado da maioria dos árbitros brasileiros; trabalho normal

Política

1

Chega de Mentiras, de Corruptos e Corruptores

Se liga São Paulo

Acorda Brasil

Sp- 23/11/2013

*Não serão liberados comentários na Coluna do Fiori devido a ataques gratuitos e pessoais de gente que se sente incomodada com as verdades colocadas pelo colunista, e sequer possuem coragem de se identificar, embora saibamos bem a quais grupos representam.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.