Advertisements
Anúncios

Haddad se vinga do povo que o fez fugir de helicoptero por R$ 0,20

Numa das cenas mais humilhantes da história política brasileira, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), à época recém empossado, teve que fugir da sede da Prefeitura, de helicóptero, após pedir ajuda ao Governo do Estado, que tanto combateu.

Tudo ocorreu durante os protestos do início de ano, pelos famosos R$ 0,20, que obrigaram o petista, claramente contrariado, a retroagir no aumento das passagens de ônibus.

Haddad, vingativo, sabia que o protesto foi orquestrado pela classe média paulistana, e dela resolveu se vingar.

Meses depois, decidiu tomar “na mão grande”, muito mais do que deixou de arrecadar ao “beneficiar”, à força, o povo de São Paulo com a manutenção de uma tarifa que já era abusiva.

Aumentou o IPTU da cidade em números pornográficos, irreais, que chegam a atingir mais de 20% para pessoa física, e indecentes 40% para as empresas.

Um assalto que visa exatamente punir quem comandou e incitou a população ao levante do início do ano.

Para finalizar com chave de ouro o ato vingativo, Haddad incorporou hábitos trabalhistas do líder máximo de seu partido, o ex-presidente Lula, e decidiu tirar “férias” na Europa, mesmo estando apenas há dez meses na gestão de seu cargo.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: